João Pessoa 22/05/2018 07:55Hs

Início » Brasil » Após duas semanas de liberdade, Carlinhos Cachoeira é preso outra vez

Após duas semanas de liberdade, Carlinhos Cachoeira é preso outra vez

O empresário e contraventor Carlinhos Cachoeira voltou a ser preso na tarde desta sexta-feira (7) em Goiânia. O mandado de prisão foi expedido pelo juiz da 11ª Vara Federal, Alderico Rocha Santos. Ele é responsável pelo processo da Operação Monte Carlos, da Polícia Federal, que culminou na prisão do contraventor em fevereiro.

O contraventor teve a liberdade mantida pela Terceira Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, no começo deste mês. Ele estava em liberdade desde o dia 21 de novembro, quando deixou o presídio da Papuda, em Brasília.

O empresário foi condenado a 39 anos e 8 meses de prisão por diversos crimes, como corrupção ativa, formação de quadrilha e peculato.

Cachoeira foi preso pela primeira vez em 29 de fevereiro pela Polícia Federal na Operação Monte Carlo, que desarticulou a organização que explorava máquinas de caça-níquel em Goiás por 17 anos.

As investigações chegaram ao então senador Demóstenes Torres, que foi pego em escutas telefônicas em conversas sobre dinheiro, supostamente fruto de propina. O trabalho de investigação atingiu ainda, mesmo que indiretamente, os governos do Distrito Federal, do petista Agnelo Queiroz, e de Goiás, do tucano Marconi Perillo.