João Pessoa 24/06/2018 12:37Hs

Início » Brasil » Cunha processa deputado que o chamou de gângster

Cunha processa deputado que o chamou de gângster

Apesar da ação, Glauber Braga disse que não retira uma vírgula de sua fala, proferida durante sessão sobre continuidade do impeachment em abril

glauber bragaO presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) apresentou no Supremo Tribunal Federal uma queixa crime contra o deputado Glauber Braga (PSOL-RJ) por ter sido chamado de gângster no dia 17 de abril, durante a sessão na casa que decidiu dar prosseguimento ao processo de impeachment contra a presidente afastada Dilma Roussef (PT).

Segundo Cunha, o colega parlamentar cometeu injúria. Na queixa, os advogados de Cunha afirmam que “imunidade parlamentar não pode ser confundida com autorização para que sejam realizados “infundados ataques pessoais e covardes contra seus desafetos sobretudo dentro do parlamento, que não é local para debate de questões pessoais”.

“Eduardo Cunha, você é um gângster. O que dá sustentação à sua cadeira cheira enxofre. Eu voto por aqueles que nunca escolheram o lado fácil da história”, disse Glauber Braga na sessão sobre o impeachment, na qual votou contra a continuidade do processo.

Em seu perfil no Facebook, Braga agradeceu as mensagens de “apoio e solidariedade” que tem recebido por causa da notícia do processo, mas reiterou que sua opinião sobre Cunha permanece a mesma.

“E em relação ao conteúdo: não retiro uma vírgula do que disse no dia 17 de abril”, escreveu o deputado.

Band