João Pessoa 24/06/2018 22:45Hs

Início » Brasil » Dos 31 deputados federais gaúchos, 20 aprovam impeachment de Dilma

Dos 31 deputados federais gaúchos, 20 aprovam impeachment de Dilma

Levantamento feito por Zero Hora ouviu toda a bancada gaúcha na Câmara dos Deputados

congresso rsA bancada gaúcha na Câmara dos Deputados reforçou, nas últimas semanas, o apoio ao impeachment da presidente Dilma Rousseff. Realizado entre segunda e terça-feira, levantamento de Zero Hora mostra que 20 deputados federais do Rio Grande do Sul manifestaram-se de forma favorável à saída da petista do Planalto. Isso representa quase dois terços da bancada — proporção exigida, na Câmara, para impedir um presidente da República.

Entre os favoráveis à saída de Dilma, estão parlamentares de PP, PSDB, PMDB, PTB, DEM, PSB e Rede. Nove deputados são contrários, filiados ao PT e ao PDT. Dois não expressaram sua posição: Carlos Gomes (PRB) e Giovani Cherini (PDT), que disseram já ter opinião formada, mas que por enquanto não vão falar sobre o assunto do de trabalho. A reunião é uma continuação do encontro realizado na semana passada. Ainda não há data estipulada para a votação da comissão, composta por 65 membros — dos quais cinco são gaúchos: Henrique Fontana (PT), Pepe Vargas (PT), Luiz Carlos Busato (PTB), Osmar Terra (PMDB) e Jerônimo Goergen (PP).

Em levantamento feito por Zero Hora no mês de dezembro do ano passado, os números eram outros: havia 12 deputados indecisos, nove a favor e oito contra o impeachment. Na época, dois parlamentares não foram localizados pela reportagem. A maioria dos indecisos da época decidiu apoiar o impeachment — só o deputado Pompeo de Mattos (PDT) resolveu que votará pela permanência de Dilma.

Zero hora