João Pessoa 22/05/2018 17:49Hs

Início » Brasil » PF deflagra 16ª fase da Lava-Jato em cinco cidades

PF deflagra 16ª fase da Lava-Jato em cinco cidades

Na ação, batizada de 'radioatividade', agentes federais cumprem mandados no Rio, Niterói, Brasília, São Paulo e Barueri

Angra3Obra de construção da Usina de Angra 3 também é alvo da operação Lava-Jato

RIO, SÃO PAULO E BRASÍLIA – A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira a 16ª Fase da Operação Lava-Jato, denominada “Radioatividade”. Cerca de 180 Policiais Federais cumprem 30 mandados judiciais, sendo 23 de busca e apreensão, dois de prisão temporária e cinco de condução coercitiva em Brasília, Rio de Janeiro, Niterói, São Paulo e Barueri. No Rio, cinco andares da Eletronuclear, subsidiária da Eletrobras, foram lacrados pela PF.

Segundo a PF, o foco das investigações são contratos firmados por empresas já mencionadas na Lava- Jato. Dentre outros fatos investigados, são objeto de apuração nesta fase, a formação de cartel e o prévio ajustamento de licitações nas obras de Angra 3, e o pagamento indevido de vantagens financeiras a empregados da estatal. Os presos serão trazidos para a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba/PR onde permanecerão à disposição da Justiça Federal.

Em São Paulo, um dos mandados de busca e apreensão está sendo realizado no escritório de Ricardo Ourique Marques, diretor da Techint.

Além de Ricardo, são alvo de pedidos de busca e apreensão criminal:

 

Renato Ribeiro Abreu, Petronio Braz Junior, Othon Luiz Pinheiro da Silva, Maria Celia Barbosa da Silva, Flavio David Barra, Fabio Andreani Gandolfo e Eletrobras Termonuclear SA – Eletronuclear, Aratec Engenharia Consultoria e Representações, na Luiza Barbosa da Silva Bolognani e Ana Cristina da Silvia Toniolo.

 

 O Globo