João Pessoa 25/06/2018 04:03Hs

Início » Brasil » Raio mata quatro banhistas no litoral de SP; entre eles uma grávida

Raio mata quatro banhistas no litoral de SP; entre eles uma grávida

Os Bombeiros e o Samu foram chamados, mas as vítimas não resistiram

raio mata quatroUm raio atingiu oito banhistas hoje (29) na cidade de Praia Grande, no litoral paulista, matando quatro deles. Entre as vítimas, estaria uma mulher grávida. Segundo o Corpo de Bombeiros, os banhistas estavam na Praia do Canto do Forte, entre a faixa de areia e o mar. A identidade das vítimas não foi informada.

Os mortos pertenciam a uma mesma família e já foram identificados: Zenildo Tadeu Vieira, 69, coronel PM aposentado, e sua mulher, Andrea Boaretto, 41; a sobrinha do casal Katia Boaretto, grávida de 5 meses e seu marido, Luciano (sobrenome e idade desconhecidos).

Todos foram levados para o Pronto-Socorro do Hospital Irmã Dulce, no Boqueirão, na Praia Grande. O hospital confirmou, por meio da assessoria de imprensa, a morte de quatro banhistas. Os demais seguem em atendimento no setor de emergência, mas o estado de saúde e a identidade deles não foi informado.

Os bombeiros orientam os banhistas para que, a qualquer sinal de chuva ou de tempo fechado, deixem a praia e evitem se proteger embaixo de árvores.

Chuvas fortes
Toda a capital paulista entrou em estado de atenção para enchentes na tarde de hoje (29), informou o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE). As chuvas mais fortes atingem os bairros de Campo Limpo, M’Boi Mirim, Capela do Socorro e Parelheiros, na zona sul de São Paulo; Brasilândia, Cachoeirinha e Mandaqui, na zona norte; e Ermelino Matarazzo, São Miguel Paulista, Itaim Paulista, Itaquera e Guaianases, na zona leste. Também chove forte nas cidades de São Lourenço da Serra, Embu-Guaçu e Cotia, na Grande São Paulo.

As chuvas, segundo os meteorologistas do CGE, devem se intensificar em outros pontos da cidade, nas próximas horas. Há potencial para queda de granizo, rajadas de vento e formação de alagamentos.

Amanhã (30) será outro dia de muito calor na capital, mas os termômetros devem ficar em torno de 30 graus Celsius, um pouco mais baixo do que nos dias anteriores. À tarde e à noite deve chover.

Na madrugada de hoje, a forte chuva que atingiu a capital provocou a queda de centenas de árvores, fechou o Parque Ibirapuera e deixou semáforos apagados e bairros sem luz.

Correio Braziliense