João Pessoa 12/12/2017 14:21Hs

Início » Câmara em foco » Servidores Santa Rita protestam contra gestão Panta na educação, caminham para justiça e pedem socorro por salários atrasados

Servidores Santa Rita protestam contra gestão Panta na educação, caminham para justiça e pedem socorro por salários atrasados

Prestes a completar uma no da gestão Panta, não concedeu nenhum reajuste a servidor, por cima reduziu salários de professor e rebaixar salário de quem vai se aposentado.

Retrocesso, perda de direitos e abandono na porta parte da gestão do prefeito fujão Panta, que no último protesto estava na prefeitura e não dialogou com os servidores para justificar  a quebra de acordo referente a salários atrasados e direitos retirados dos servidores de todo município,  foi o que disse a professora Lêda dos Santos nesta quarta-feira (29), em mais uma assembleia itinerante enfrente no parque  do povo ao lado da  secretaria de educação municipal que após o protesto  caminharam com destino ao Ministério Público e o Tribunal de Justiça de Santa Rita pedindo socorro dos desmandos do desmonte da gestão Panta para que julgue as ações e defenda os servidores que tiveram todos os direito cerceados pelo prefeito tucano Panta durante todo o ano de 2017 pedindo uma solução de imediato para o impasse que o prefeito tirano pode tudo

.

Após a quebra de acordo entre o prefeito Panta e os servidores neste último 15 Novembro em atitude covarde do gestor dos salários  atrasados e a ano sem conceder reajuste de salários a nenhuma categoria, o movimento dos servidores ganhou reforço das categorias da saúde, do Trânsito, pessoal de Tributos da secretaria de finanças e professores da secretária de educação que tiveram suas gratificações em Lei ceifada, e que a previsão será uma paralisação geral por parte de todos os servidores da prefeitura de Santa Rita, que está chegando o fim de primeiro ano da gestão coronelista do prefeito Panta e que não concedeu de reajuste a servidor e que foi o único prefeito do Brasil que reduziu salários de servidor no município, descumprindo até o piso salarial federal dos servidores desde o 1º de janeiro cometendo mais um ato de improbidade administrativa, que a assessoria jurídica do sindicato vêm defendendo os servidores de todas as categorias contra esse prefeito tirano do PSDB, que deseja fazer o quer contra servidor e prejudicar o povo que descumpre todo tipo de Lei em âmbito federal e municipal.

Na última sexta-feira, os profissionais de saúde encamparam a luta dos servidores e se uniram ao sindicato na luta em defesa de servidores e direitos retirados e não concebidos em Lei, pelos qual foi realizado protesto enfrente a prefeitura de Santa Rita cobrando do prefeito Panta reajuste salarial que foi negado e melhores condições de trabalho afora afora a cobrança de médico e medicamentos que as unidades inchada de comissionados que a maioria não fazem nada e nesta semana outras categorias aderiram ao movimento sindical que nenhum servidor aguenta mais a gestão coronelista Panta que sumiu de Santa Rita e quem manda é a mulher denunciou a sindicalista Lêda dos Santos.

Na secretaria de educação os profissionais denunciaram a secretária de educação que não responde os ofícios do sindicato, e os desmandos na gestão de Edilene Santos como a merenda medida que possui professor comprando Salsicha e carne moída para completar a merenda de alunos, a cobrança se estendeu na rua o terço de férias, escolas sem vigia e cuidador, sem intérpretes e as crianças especiais em casa mais o dinheiro é repassado, o conselho de educação não dá satisfação e faz o que quer na pessoa da professora Lígia, além de um desmonte geral da educação de Santa Rita que até o básico estar difícil a gestão cumprir o que tem vinculado na mídia é a maior mentira, ele o prefeito nunca falou de investimento que a escolas e creches estão sucateadas e todos os profissionais de educação revoltados e indignados por falta de reajuste e redução de salários que nem aposentado e pensionistas escapam da gestão Panta em Santa Rita.

A direção do sindicato após o término do movimento que culminou com a mensagem nos poderes que representa o município, afirmou que na próxima semana a assessoria jurídica juntamente com a direção do sindicato que impetrar mais ações contra gestão Panta, além das que foram provocadas e que a visita nesta quarta-feira (29) dos servidores é em favor de uma posição das referidas ações dos desmandos da gestão truculenta Panta que não respeita Leis e os poderes, que desde já as categorias em assembleia geral no Parque do Povo agendou a continuidade do movimento que mais categorias irão aderir ao assembleias itinerante que é o único sindicato do Brasil e pioneiro que criou esse tipo de movimento contra uma gestão que não gosta de pagar reajuste e reduzir salários de servidores que o prefeito Panta está conhecido em todo Brasil como o pior prefeito da história de Santa Rita-PB, alegou a sindicalista Lêda dos Santos

Lamartine do Vale