João Pessoa 22/07/2018 20:37Hs

Início » Cidades » Corinthians vence Galo e alcança recorde de pontos

Corinthians vence Galo e alcança recorde de pontos

Com os 2 a 0 no Mineirão, Timão chega aos 44 pontos e iguala Palmeiras do 2º turno de 2016

Jô comemorou discretamente o seu gol contra o Atlético-MG

Jô comemorou discretamente o seu gol contra o Atlético-MG (Foto: Marcos Fialho/Código19/Estadão Conteúdo)

O Corinthians visitou o Atlético-MG nesta quarta-feira, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, no jogo que marcou a partida de número 300 do goleiro Cássio com a camisa do time. O Galo, que não faz uma boa campanha como mandante, levou o jogo para o Mineirão, mas isso não impediu uma nova derrota, dessa vez por 2 a 0. O resultado fez o Corinthians chegar aos 44 pontos e alcançar o Palmeiras como o time com mais pontos em um turno do Brasileirão de pontos corridos. O Verdão conseguiu o feito no segundo turno de 2016.

Sabendo da importância da partida diante do líder, o Galo começou atacando mais, mas respeitando muito o Corinthians. Com paciência e muito toque de bola, o Atlético-MG chegou a primeira boa chance de gol aos seis minutos em chute longe de Cazares que Cássio defendeu em dois tempo.

Sem afobação, o Atlético-MG parecia ter o domínio da partida e aproveitava o lado direito da zaga corintiana, nas costas de Giovanni Augusto, para assustar. Mas o time mineiro não conseguiu chegar ao gol apesar das chances criadas.

Ao contrário, o preciso time do Corinthians foi quem marcou. Aos 31 minutos Fagner avançou pela direita e cruzou, Maycon chutou travado e a bola sobrou para Jô tocara paras as redes. O artilheiro do Brasileirão, como já havia dito, não comemorou o gol em respeito a torcida atleticana, que lhe deu muito apoio na fase que mais precisou.

O gol transformou o jogo, e o Atlético-MG perdeu aquele domínio que tinha outrora. O jogo caiu um pouco de rendimento e foi para o intervalo com a vantagem mínima para os paulistas.

No segundo tempo, o Galo foi para cima em busca do empate, mas encontrou um Corinthians muito bem postado na defesa. E novamente, quem criou a melhor chance de gol foi o Timão, em um rápido contra-ataque aos 13 minutos, Fagner foi para linha de fundo e rolou para trás, Rodriguinho chutou e Victor fez grande defesa, no rebote, Clayson rolou para Maycon, que tentou chutar colocado e acabou chutando pra fora.

O jogo voltou a ganhar em emoção. O Corinthians perdeu outra grande chance de ampliar aos 19 minutos, e Robinho chutou para fora o empate do Galo dentro da área aos 21. O tempo foi passando e torcida atleticana começou a reclamar muito do time.

Aos 36 minutos o Corinthians chegou ao segundo gol em outra bela jogada. Clayson teve a chance, mas Victor defendeu com o pé. A zaga não conseguiu afastar a e bola sobrou para Maycon, que tocou para Clayson no meio da zaga atleticana, de primeira o atacante achou Rodriguinho livre, ele ainda cortou Leonardo Silva antes de bater no contrapé do goleiro do Galo.

O Atlético-MG tentou ir para o ataque no final, mas o Corinthians estava bem postado e não deu chances para o time da casa. O resultado foi a quarta derrota seguida do Galo em casa, que fica estacionado nos 23 pontos, no meio da tabela. O Timão é líder isolado.

Band