João Pessoa 26/05/2018 17:51Hs

Início » Cidades » Fluminense vence com gol nos acréscimos e é vice-líder do Brasileiro.

Fluminense vence com gol nos acréscimos e é vice-líder do Brasileiro.

Fred marcou aos 48 minutos do segundo tempo e garantiu vitória de 2 a 1 sobre o Atlético-PR em Curitiba .

flu vence atlético 1Scarpa comemora com Gerson o primeiro gol tricolor – Nelson Perez / Flumiennse

O Atlético-PR costuma ser impiedoso com os visitantes na Arena da Baixada, mas não quando do outro lado está o Fluminense. No embalo da contratação de Ronaldinho Gaúcho, o time carioca confirmou neste domingo que se sente em casa no temido estádio do clube paranaense. Mesmo pressionado boa parte do tempo, o tricolor soube segurar o adversário e, no fim conseguiu uma vitória po 2 a 1, com um gol de Fred já nos acréscimos.

O Fluminense completou seis anos sem perder para o Atlético-PR e cinco jogos consecutivos sem derrota na Arena. Chegou a 27 pontos e se manteve em segundo lugar, na cola do líder Atlético-MG, que tem 29.

Fred, que se emocionara na vitória sobre o Cruzeiro no meio da semana, destacou o espírito com que a equipe vem atuando, o que, segundo ele, foi determinante para a vitória, a quinta nas últimas seis rodadas.

— Jogar aqui não é fácil e todo mundo sabe disso, mas conseguimos dar alma a este time e os resultados estão aparecendo, dentro e fora do Maracanã — enalteceu o capitão tricolor chegou a cinco gols, o mesmo número marcado por todo o time do Vasco — próximo adversário do Fluminense — até agora no Brasileiro.

Mais informações em instantes

ATLÉTICO-PR 1 x 2 FLUMINENSE

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa/RS)

Assistentes: Cleriston Clay Barreto (Fifa/SE) e José Javel Silveira (RS)

Renda/Público: R$ 317.655,00 /15.648 pagantes

Cartões amarelos: Natanael (ATL-PR). Edson e Marcos Junior (FLU)

GOLS: Gustavo Scarpa 0-1 (6’/2ºT), Sidcley 1-1 (23’/2ºT) e Fred 1-2 (47’/2ºT)

ATLÉTICO-PR: Weverton; Eduardo, Christián Vilches, Kadu e Natanael; Jadson, Otávio, Ytalo, Marcos Guilherme (Edigar Junio 24’/1ºT, depois Sidcley 15’/2ºT) e Nikão; Walter (Cléo 26’/2ºT). Técnico: Milton Mendes.

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Wellington Silva (Renato 21’/2ºT), Gum, Antonio Carlos e Giovanni; Edson, Rafinha (Marlon 36’/2ºT), Gustavo Scarpa e Gerson (Lucas Gomes 37’/2ºT); Marcos Junior e Fred. Técnico: Luís Fernando Flores.