João Pessoa 22/06/2018 05:29Hs

Início » Cidades » OMISSÃO: SAMU de Cajazeiras nega socorro a idosa de 77 anos

OMISSÃO: SAMU de Cajazeiras nega socorro a idosa de 77 anos

SAMUCZMais um caso de omissão de socorro foi registrado na cidade de Cajazeiras, no Sertão do Estado.

Com seus salários atrasados há vários meses, os profissionais do SAMU não estão realizando suas atividades como deviam e com isso quem sofre é a população.

A estudante Sarah Queila Lacerda, residente no Bairro dos Remédios em Cajazeiras, denunciou na tarde dessa terça-feira, 18, que o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Cajazeiras se negou a prestar socorro a aposentada, Maria Ismerinda, de 77 anos de idade.

Conforme informações repassadas ao jornalismo do Paraíba Urgente pela denunciante, a idosa e  mãe do seu padrasto, sofreu uma queda dentro de casa, e ela acionou o SAMU, sendo informada por um médico, que não sabe informar o nome, que não prestaria o socorro, pois a mulher já havia sido removida do local do acidente.

“A gente tinha que levantar ela. Não podíamos deixá-la no chão”. Declarou a jovem

Sarah disse que ficou indignada porque o médico negou socorro e ainda respondeu com uma piada.

“Ele disse que só faz o socorro às vítimas quando elas estão morrendo”. Confessou a estudante.

O Outro Lado

Em contato com o SAMU, para ouvir a versão do coordenador do serviço, o médico Márcio Kato s, mas o mesmo não foi localizado. A atendente identificada por Jane informou que não sabia o horário que o coordenador apareceria no trabalho.

Reincidente

Esta não é a primeira vez que o serviço é denunciado por negar socorro à população cajazeirense.  No mês de setembro uma universitária, passou mal chegando a desmaiar no centro da cidade, enquanto assistia o desfile cívico e não foi atendida pelo SAMU.

Bruno de Lima, do Paraíba Urgente