João Pessoa 22/05/2018 09:59Hs

Início » Cidades » Ong Pro Dia Nascer Feliz apresenta Alto de Natal em Santa Rita

Ong Pro Dia Nascer Feliz apresenta Alto de Natal em Santa Rita

auto popularisO 8º ano da realização do Auto de Natal Pro Dia Nascer Feliz tem o patrocínio do Programa BNB/BNDES 2012. O Auto Popularis será encenado pelo Grupo Flores Belas, com texto de Francisco Diniz, direção de Tony Rodrigues, Luiza Maria e Adriano Araújo, figurino e adereços de Luiza Maria, iluminação de Eloy Pessoa, participação especial Maurício de Olinda, Leandro Gonzaga, Trio Asa Branca, e de alunos das oficinas de percussão e teatro do Projeto Ciranda Cultural.

Para dar continuidade ao sucesso das edições anteriores, o evento apresentará, em sua oitava edição, uma das mais extraordinárias histórias da humanidade, em que Deus é a fonte de inspiração, certeza e representação. Recria, através da observação do cotidiano, da arte trivial e proletária (porém atual e espontânea), a qual, por sua vez, aproxima a estética ao dia a dia das pessoas, dos seus costumes e tradições. Um momento transformador, que estimula a criatividade, a imaginação e melhora a condição humana.

Por sua vez, os personagens populares são reinterpretados, codificados e pré-estabelecidos em um espaço artístico e folclórico, com elementos das festas populares, do carnaval e da cultura de raízes populares, num bailado de fé e sincretismo, em que personagem do cavalo marinho e da commedia dell’arte narram as jornadas do nascimento de Jesus através de muita música e coreografias que entrelaçam o espetáculo. Um folclore de tradição, imaginação e criação; uma experimentação e construção da reescrita de seus saberes e fazeres, a formação de um patrimônio imaterial.

Vivenciar a natividade é levar consigo a poética e a sensibilidade, a qual flutua nas ondas do imaginário. A força da alma e o espírito natalino trasladam na história do Salvador. O Auto Popularis utiliza em sua montagem elementos do folclore e das manifestações de raízes como a nau catarineta, a lapinha, o presépio e o bumba-meu-boi, entre ladainhas e canções que pluralizam as passagens do nascimento do Menino Salvador com veemência e verdade, onde busca uma interpretação harmônica, emotiva e eloquente, para reviver essa grande história.

 

 

 

Lamartine do Vale com assessoria