João Pessoa 21/06/2018 12:12Hs

Início » Cidades » PF desmantela quadrilha de tráfico internacional que agia em seis Estados

PF desmantela quadrilha de tráfico internacional que agia em seis Estados

Segundo as investigações, suspeitos mantinham um "estilo de vida suntuoso". Entre os bens apreendidos, há casas de luxo, aerovaves e embarcações

operação em 6 estadosA Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira uma operação para desmantelar uma quadrilha de tráfico internacional que adquiria drogas no Peru e na Bolívia e as repassava para a Europa, em especial a Espanha, por meio do território brasileiro. Ao todo, treze mandados de prisão estão sendo cumpridos em seis Estados — São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Segundo as investigações, a quadrilha contava com uma rede de operadores ilegais de câmbio que lavava o dinheiro obtido no tráfico por meio da compra de imóveis, cabeças de gado, veículos e aeronaves. Em nota, a PF afirmou que os suspeitos mantinham um “estilo de vida suntuoso”, com viagens frequentes ao exterior. Foram apreendidos 42 imóveis, entre fazendas, apartamentos, terrenos e prédios comerciais; 3.500 cabeças de gado; três aeronaves (dois aviões e um helicóptero); 37 veículos, entre automóveis, caminhões e motocicletas; uma lancha e um jet ski.

Além dos mandados de prisão, foram expedidos dezesseis mandados de condução coercitiva e 39 de busca e apreensão. O patrimônio bloqueado pela Justiça, a pedido da PF, chega a mais de 60 milhões de reais. As contas bancárias de dezessete suspeitos foram interditadas. Os mandados foram assinados pelo juiz Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, também responsável por decretar a prisão dos investigados na Operação Lava Jato.

Batizada de Denarius — que significa dinheiro em latim  —, a operação começou em fevereiro deste ano, quando foi identificado um pecuarista que recebia carregamentos de droga na cidade paranaense de Umuarama. Em uma das maiores ações da operação, a PF interceptou um carregamento de 831 quilos de cocaína transportado por um caminhão em Porto Velho (RO).  A droga havia sido camuflada em pedaços de madeira usados na construção de casas pré-fabricadas e era endereçada para Madri, na Espanha.

As diligências da operação se concentram na delegacia da cidade parananense de Guaíra, no interior do Estado. Ao todo, 180 agentes e dez auditores da Receita Federal participaram dos trabalhos.

Veja