João Pessoa 24/06/2018 22:48Hs

Início » Cidades » Sport arranca empate contra o Grêmio e sobe para o 3º lugar

Sport arranca empate contra o Grêmio e sobe para o 3º lugar

Rubro-negros saíram atrás no placar, mas reagiram e conseguiram o 1x1 em Porto Alegre

sport a3º colocadoSport mostrou forças para reagir e arrancar o empate por 1×1 com o Grêmio

Depois de sair atrás no placar, o Sport mostrou forças para reagir e arrancar o empate por 1×1 com o Grêmio, neste sábado (25), em Porto Alegre, pela 15ª rodada do Brasileirão. Os rubro-negros, que ainda não venceram fora de casa neste campeonato (seis empates e uma derrota), subiram para a terceira posição, agora com 28 pontos. O Leão pode perder seu lugar no G-4 neste domingo, caso Fluminense e Palmeiras vençam as suas partidas.

O Sport volta a campo pelo Brasileirão no próximo domingo, às 18h30, na Arena Pernambuco, contra o Cruzeiro. Para essa partida, o técnico Eduardo Baptista deverá ter a sua disposição o atacante Hernane Brocador, que aguarda regularização da CBF.

O JOGO

A partida em Porto Alegre iniciou muito truncada. Com três volantes (Rithely, Rodrigo Mancha e Wendel), o Sport congestionou o meio-campo e teve seu trabalho de marcação facilitado pelo excessivo número de erros ofensivos do Grêmio. Assim, os dez primeiros minutos foram de um perde e ganha sem fim entre as intermediárias.

Depois daí, os gremistas se acharam em campo. Trocando passes em velocidade confundiram o sistema defensivo rubro-negro e criaram boas chances, principalmente pelo seu lado esquerdo. O rápido atacante Luan era o homem mais perigoso do time gaúcho. Dos pés dele, saíram três boas finalizações no primeiro tempo. A principal delas, aos 13 minutos, parou na trave esquerda. De tanto insistir, o Grêmio marcou no apagar das luzes da etapa. Em belo lance individual, Pedro Rocha fez 1×0.

Ofensivamente, o Sport ficou devendo no primeiro tempo. Diego Souza, Marlone e André atuaram muito distantes em campo, diferentemente de outras partidas, o que facilitou o trabalho da defesa do Grêmio. Assim, os rubro-negros finalizaram apenas uma vez em 45 minutos: André cabeceou para fora. Por isso, o time voltou para a segunda etapa com o atacante Élber na vaga do volante Rodrigo Mancha.

A mudança surtiu efeito. O Sport passou a ter maior posse de bola no setor ofensivo e a criar boas oportunidades, principalmente em lances oriundos pelos lados do campo. E foi justamente num deles que nasceu o gol de empate, aos 16 minutos, marcado com o peito pelo meia Diego Souza. Ele aproveitou cruzamento da esquerda de Danilo e com a bobeada do goleiro Tiago: 1×1.

Depois do empate, a partida se transformou em um verdadeiro toma lá da cá, com chances para os dois lados. No melhor deles, Danilo Fernandes salvou o Leão com uma defesa milagrosa, aos 42 minutos, após cabeçada de Brian Rodríguez. No fim: 1×1.