João Pessoa 19/06/2018 08:22Hs

Início » Cidades » ‘Velho Chico’: Santo conhece Miguel e simpatiza com ‘familiaridade estranha’

‘Velho Chico’: Santo conhece Miguel e simpatiza com ‘familiaridade estranha’

santo_miguelSanto (Domingos Montagner) e Miguel (Gabriel Leone), finalmente, vão se conhecer em “Velho Chico”. E para surpresa de todos, Santo vai simpatizar com o jovem. Miguel é quem procura Santo para falar com ele sobre o projeto para os pequenos produtores de Olívia (Giullia Buscacio). Assim que chega à casa de Santo, Miguel sente alguma coisa estranha. “Rapaz… Parece que já vim aqui antes”, diz ele, que se aproxima da casa, passando a mão pelas pilastras, pelas paredes e sentindo, pela primeira vez, a energia que emana daquele lugar. “Que viagem…”, ele fala.

Miguel vai até um canto da varanda, de onde espia a vida da casa: por uma fresta vê Luzia (Lucy Alves) cozinhando, pela janela da sala Isabel (Rayza Alcantara) e pela do escritório Santo e Bento (Irandhir Santos). Encosta-se de costas em uma das pilastras e deixa o corpo escorregar até o chão. Se sentindo, estranhamente, em casa.

Num primeiro momento, Santo se recusa a receber Miguel, mas ao vê-lo pela primeira vez ele “sente uma familiaridade estranha”, como diz o capítulo entregue ao elenco. “Já ouvi muito a seu respeito. E digo que é um prazer finalmente te conhecer!”, fala Miguel, tentando quebrar o clima. Santo olha Miguel longamente, tentando entender a afetividade que sente pelo rapaz.

Os dois conversam e Miguel diz que está disposto a romper com Afrânio (Antônio Fagundes) para tocar o projeto pela cooperativa. Santo pede para pensar e diz que depois dá um resposta aos dois sobre aceitar implentar as ideias dele. Quando Miguel vai embora, Olívia pergunta ao pai o que ele achou de Miguel. “Queria tê gostado um pôco menos! Ele é atrevido, mas sabe dizê o que precisa sê dito… e isso é bom!”, fala Santo, rindo. “O senhor não tem raiva dele? Sabe… por ele ser um de Sá Ribeiro”, pergunta Olívia.

Santo, então, lembra do pai: “Painho dizia que árvore boa dá fruto bom… e nisso ele tava certo. Mas eu acho que árvore ruim pode dá um fruto bom de quando em vez”. Os dois se calam por um instante… Santo pergunta o que Olívia acha dele: “Ele tem um jeito diferente de vê as coisas… É inteligente e valente, mas um valente bom”. Constrangido, ele quer saber se eles estão tendo alguma relação e ela nega. “Melhor assim”, fala ele, encerra o assunto.

Extra Online