João Pessoa 27/05/2018 10:05Hs

Início » Destaque » Aije contra Ricardo Coutinho será julgada pelo TRE nesta sexta-feira

Aije contra Ricardo Coutinho será julgada pelo TRE nesta sexta-feira

Coligação tucana diz que contratação de servidores desequilibrou o pleito de outubro

tre- pbA primeira audiência de instrução da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) protocolada pela coligação ‘A Vontade do Povo’ contra o governador Ricardo Coutinho (PSB) será realizada na manhã desta sexta-feira (28), na sala da Corregedoria do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB).

A Aije movida pela coligação encabeçada pelo PSDB aponta suposta prática de abuso de poder econômico, conduta vedada e desvio de finalidade na exoneração de servidores comissionados na campanha eleitoral deste ano.

Marcada inicialmente para o dia 31 de outubro, a audiência havia sido transferida para o dia 14 a pedido do advogado do governador Ricardo Coutinho. Por conta de um novo pedido de adiamento, a ação será julgada nesta sexta-feira (28).

O advogado Harrison Targino, coordenador jurídico da coligação ‘A Vontade do Povo’, disse que a ação foi ajuizada a partir de denúncias de que teria havido nomeações e demissões de servidores comissionados para beneficiar a candidatura socialista.

Harrison revelou ter solicitado a requisição da folha de pagamento de todos os servidores estaduais, incluindo os codificados, dos últimos seis meses. Ele também disse que pediu a Justiça para apurasse a informação de que as Secretarias de Saúde e Educação realizaram pagamento de servidores de forma separada da feita pela Secretaria de Administração.

Já o advogado Fábio Brito, responsável pela defesa do governador paraibano, disse que em nenhum momento houve qualquer a realização de manobra por parte do governo do Estado para tentar desequilibrar o pleito de outubro.

MaisPB