João Pessoa 26/04/2018 00:50Hs

Início » Destaque » Atlético-MG faz no fim e não deixa Corinthians comemorar

Atlético-MG faz no fim e não deixa Corinthians comemorar

Dátolo marca aos 44 do segundo tempo o único gol na vitória sobre o Figueirense e mantém o Brasileirão em disputa

atlético mineiroO Atlético-MG foi até Florianópolis com a missão de vencer o Figueirense para não dar o título do Campeonato Brasileiro para o Corinthians. Apenas a vitória interessava e ela veio no sufoco, com um gol aos 44 minutos do segundo tempo de Dátolo. O gol do argentino foi o único do jogo e mantém o Brasileirão em disputa.

Precisando da vitória para não dar o título ao Corinthians, o Atlético-MG começou a partida em Florianópolis pressionando muito o Figueirense, que não se encontrava em campo. O Galo tocava bem a bola e conseguia chegar ao gol do Furacão, mas pecava no último passe.

O Figueirense conseguiu segurar a pressão atleticana e aos poucos foi igualando o jogo. O Furacão até teve chance de marcar antes dos 21 minutos, quando aconteceu o lance mais polêmico da partida.
A arbitragem expulsou o zagueiro Leonardo Silva por um toque de mão na bola. O zagueiro do Galo se revoltou, assim como o técnico Levir Culpi. Houve muita reclamação e depois de um tempo o juiz decidiu voltar atrás na decisão. O auxiliar teria dito que a bola bateu na barriga. A torcida do Figueirense não perdoou e xingou muito a arbitragem.

Depois disso o jogo caiu muito de produção e poucas chances de gol foram criadas até o fim da primeira etapa. Na volta para o segundo tempo o Figueirense voltou com mais vontade diante de um apático Atlético-MG.

O Furacão perdeu ao menos duas grandes chances de gol, incluindo um lance em que Carlos Alberto ficou livre na cara do goleiro Victor, que acabou fazendo um milagre jogando a bola para escanteio.

No final da partida o Galo foi na base do abafa para tentar sufocar o Figueirense e conseguiu fazer o gol que mantém o Brasileirão vivo aos 44 minutos. Luan fez boa jogada pela direita e tocou para Dátolo, que dentro da área teve calma para cortar o defensor e tocar para as redes.

O resultado mantém o Brasileirão em disputa. Faltando 12 pontos em disputa, o Galo tem 65, 11 a menos que o Corinthians, que pode ser campeão na próxima rodada. O Figueirense segue com 36 pontos, a dois da zona de rebaixamento.

Band.com