João Pessoa 19/06/2018 04:51Hs

Início » Destaque » Censo mostra que 36,24% dos casais optam por união consensual na PB

Censo mostra que 36,24% dos casais optam por união consensual na PB

Seguindo a tendência nacional, os paraibanos aderindo à união consensual, sem casamento  civil ou religioso. Foi o que mostrou o levantamento divulgado nesta quarta-feira (17) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com base em dados do Censo de 2010.

De acordo com o IBGE, entre os anos de 2000 e 2010, a união consensual teve um aumento de 8,18%. Já o tradicional casamento religioso sofreu uma queda de 2,36%. Em 2010, foram registradas 572.342 (36,24%) uniões consensuais. Em 2000, foram 367.058 (28,06%) uniões deste tipo.

No cenário nacional este tipo relacionamento aumentou de 28,6%, em 2000, para 36,4% do total, no último levantamento.

Na Paraíba, o casamento religioso diminuiu 2%, comparando os dados de 2000 com 2010. Pelo levantamento, em 2000 foram registrados 102.482 (7,83%). Na última pesquisa foram 86.383 (5,47%) casamentos deste tipo. Comparando com os dados nacionais, no mesmo período, o percentual de unidos por casamento civil e religioso caiu de 49,4% para 42,9%.

O interessante é que na Paraíba é possível observar uma diminuição nos casamentos religiosos e um pequeno aumento (0,33%) na ligação civil.

O estudo mostra que a união sem formalização é mais frequente em classes sociais mais baixas, representando 48,9% da população com rendimento de até meio salário mínimo, e entre brasileiros de até 39 anos. Conforme o rendimento do casal aumenta, a representatividade da união estável consensual diminui.

O Amapá foi o estado que apresentou o maior percentual de uniões consensuais: 63,5% do total de pares. Minas Gerais teve o menor, com 25,9%. O Censo apontou ainda que este tipo de união é mais escolhido por pretos (46,6%) e por pardos (42,6%).

G1 PB