João Pessoa 22/05/2018 15:38Hs

Início » Destaque » Corrupção e Lava Jato: As dez piores listas… de 2014

Corrupção e Lava Jato: As dez piores listas… de 2014

cheque dilma fraude fiscal1) A lista de vencedores da Mega-Sena – que, mais uma vez, não teve você, nem eu.

2) A lista dos parlamentares que votaram a favor da fraude fiscal da presidente Dilma Rousseff e limparam a cena do crime, recebendo o ‘Natalão‘ de 748 mil reais para isso. Estrelando: a hoje lipoaspirada Jandira ‘Vai pra Cuba‘ Feghali (PCdoB-RJ).

3) A lista dos presos por envolvimento no maior escândalo de corrupção – atrelada a um projeto de poder – na história moderna do mundo, o Petrolão, que ainda não incluiu o ex-presidente Luiz Inácio “Sabia de Tudo” da Silva, o Lula.

4) A lista de mentiras da campanha eleitoral de Dilma, sob direção do marqueteiro sem freio João Santana, como por exemplo as quatro desmascaradas por Aécio Neves no debate do SBT e todas aquelas que ficariam ainda mais evidentes após a reeleição como estelionatos eleitorais. Estrelando: o aumento dos juros para controlar a inflação que, segundo a presidente-candidata, estava sob controle.

5) A lista aumentada de cadáveres produzidos pelo regime militar divulgada pela Comissão da Mentira do PT, da qual foram excluídos os 121 produzidos pelos terroristas de esquerda na luta armada, como por exemplo aqueles dos grupos VPR, Var-Palmares e Colina, integrados por Dilma Rousseff. Se o PT aumentar o número de cadáveres da ditadura à média de 100 por ano, como comentei em TVeja, em apenas 600 anos ele chegará ao número de 60 mil pessoas assassinadas anualmente no país que está há 12 anos sob seu governo.

6) A lista de novos ministros do governo Dilma, com o petista Jaques Wagner na Defesa, decerto pelo mérito de deixar o estado sob seu governo, a Bahia, com um dos maiores índices de criminalidade do Brasil. (Veja artigo.)

7) A lista de 157 ex-governadores e ex-primeiras-damas que, segundo O Globo, recebem aposentadorias especiais e pensões vitalícias que variam de R$ 10,5 mil a R$ 26,5 mil, o que significa um custo anual aos cofres estaduais de R$ 46,8 milhões. A Bahia foi o último estado a aprovar uma lei garantindo o benefício aos seus ex-governadores, em novembro passado. A lei foi feita sob encomenda para beneficiar o próprio Jaques Wagner, que deixará o governo no dia 1º de janeiro e passará a receber automaticamente R$ 19,3 mil por mês.

8) A lista de ‘médicos’ escravos traficados por Cuba para países parceiros do Foro de São Paulo como o Brasil (que recebeu 11 mil deles), com um rendimento anual de quase 8 bilhões de dólares à ditadura dos irmãos Castro, apesar da fuga de cerca de 700 da Venezuela e alguns do nosso país.

9) A lista de produtos ausentes nos mercados mais corriqueiros da Venezuela de Nicolás Maduro, ditador apoiado por Lula, Dilma, PT, PCdoB e PSOL: frango, café, leite, óleo e muitos outros (embora sobrassem bonecas Barbie a preços mínimos e, claro, subsidiados).

10) A presente lista de piores listas de 2014, que, indesculpavelmente, exclui a lista de livros lidos pela presidente Dilma, cujos títulos (e tramas, e personagens, e autores) ela não se lembra; além de muitas outras que mereciam ser lembradas – neste ano de Copa do Mundo e Eleições que, apesar de tudo, não deve ser esquecido.