João Pessoa 17/08/2018 07:07Hs

Início » Destaque » Em convenção, Doria reafirma ‘apoio incondicional’ a Alckmin para presidente

Em convenção, Doria reafirma ‘apoio incondicional’ a Alckmin para presidente

‘Aplausos para o futuro presidente’, disse - Encontro consolida candidatura de governador

O prefeito de São Paulo, João Doria, e o governador do Estado, Geraldo Alckmin, na convenção do PSDB

O prefeito de São Paulo, João Doria, afirmou neste sábado (9.dez.2017) que o governador do Estado, Geraldo Alckmin, tem o seu “apoio incondicional” para a Presidência em 2018.

“Quero reafirmar meu apoio incondicional a Geraldo Alckmin, para que juntos que tenhamos a Presidência do Brasil. Para ser o futuro presidente do Brasil”, disse Doria. O tucano ainda pediu aplausos para o governador de São Paulo.

O PSDB realiza neste sábado sua Convenção Nacional. Alckmin assumirá o posto sem eleição depois que o senador Tasso Jereissati e o governador de Goiás, Marconi Perillo, retiraram suas candidaturas.

A legenda vinha sendo comandada interinamente desde o afastamento do senador Aécio Neves (PSDB-MG), em maio.

ELEIÇÕES 2018

Apesar da convenção deste sábado servir para consolidar Alckmin como o grande favorito para concorrer o Planalto nas eleições de 2018, o encontro mostrou alguma rachaduras no partido. O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio (PSDB), afirmou que não desistirá de ser o candidato tucano à Presidência da República.

“Vai ser uma coisa muito séria, muito dura e respeitosa de minha parte. Mas as diferenças, e há muitas, vão ser mostradas uma por uma ao longo dos debates –a começar por essa convenção, que será 1 debate indireto”, disse Virgílio.

O evento teve a presença de governadores, prefeitos, congressistas e expoentes do partido como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e Aécio Neves. O senador passou rapidamente, apenas para votar, e não chegou a subir no palco com outros tucanos.

Poder360