João Pessoa 24/05/2018 06:21Hs

Início » Destaque » Homicídios de 2017 em Campina Grande já superam os do ano passado, diz polícia

Homicídios de 2017 em Campina Grande já superam os do ano passado, diz polícia

Essa foi a primeira alta no número de homicídios desde 2013 na cidade.

Cresce o número de homicídios no ano de 2017 em Campina Grande

O número de homicídios registrados em Campina Grande em 2017, faltando três semanas para o fim do ano, já é maior do que todo o ano de 2016. Segundo levantamento da Polícia Civil, 135 pessoas foram mortas na cidade este ano, enquanto que o ano passado registrou 133.

Desde 2013, os números de homicídios em Campina Grande vinham caindo. Foram 184 em 2013, 154 em 2014, 148 em 2015 e 133 em 2016. Porém, este ano, o quantitativo voltou a subir.

“A gente vendo a população de Campina Grande, em torno de 500 mil, é um número que não apresenta um resultado negativo. Na verdade, mantendo-se na média, também demonstra esse trabalho sempre pela redução, porque cidade vizinhas, como por exemplo Mossoró, Caruaru, cidades do mesmo porte de Campina, mas com população inferior, têm até mesmo o dobro de homicídios”, comentou a delegada de Homicídios, Ellen Maria.

De acordo com a Polícia Civil, de todos os homicídios registrados no primeiro semestre deste ano em Campina Grande, cerca de 36% deles estavam associados ao tráfico de drogas.

“Tem outros que são ligados a crimes patrimoniais e outros CVLIs [Crimes Violentos Letais Intencionais]. Na verdade, a gente vê que a maior parte dos crimes tem como motivação outros crimes anteriores. A Polícia Civil vai continuar reforçando o seu trabalho no sentido de manter o nível de elucidação entre 60% e 70%”, disse a delegada.

A assessora de Ações Estratégicas da Secretaria de Segurança Pública do Estado, Cassandra Duarte, disse que o governo está buscando melhorar o policiamento em Campina Grande.

“Para tentar controlar mais ainda e diminuir mais esses índices, Campina Grande esse ano foi dividia em duas áreas integradas de segurança pública. Com isso, ganha mais um batalhão de Polícia Militar e mais uma delegacia seccional de Polícia Civil”, explicou.

Homicídios em Campina Grande tiveram alta em 2017, a três semanas do fim do ano (Foto: Reprodução/TV Paraíba)Homicídios em Campina Grande tiveram alta em 2017, a três semanas do fim do ano (Foto: Reprodução/TV Paraíba)

Homicídios em Campina Grande tiveram alta em 2017, a três semanas do fim do ano (Foto: Reprodução/TV Paraíba)

G1-PB