João Pessoa 21/08/2018 04:18Hs

Início » Destaque » INSS leva 10 dias para conceder benefícios

INSS leva 10 dias para conceder benefícios

Na Paraíba, as pessoas que solicitam alguma assistência do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) precisam aguardar, em média, dez dias para obter o benefício. O tempo de espera é o segundo menor do Brasil, atrás apenas do Rio Grande do Norte, onde o atendimento ocorre em oito dias. Em outros Estados, a espera chega a 49 dias. A informação é de relatório divulgado pela Previdência Social.

De acordo com o documento, o maior tempo de espera do país ocorre no Maranhão, onde a população precisa aguardar até 49 dias para receber um benefício do INSS. Na sequência, aparecem Paraná (45 dias) e Santa Catarina (43 dias). Veja mais detalhes na tabela abaixo.

Apesar de esperar por oito dias para receber os benefícios, o paraibano está entre os brasileiros que recebem os menores valores pagos pela Previdência. De acordo com o relatório, o INSS paga, em média, R$ 993,62 a um beneficiado da zona urbana da Paraíba. O valor é o 19º menor do concedido nas demais 26 federações do país. A maior média é de R$ 1.531,12 e é paga em São Paulo e a menor é a do Amapá, de R$ 867,13.

Mesmo pagando menores valores, a Paraíba possui a quinta maior quantidade de pessoas contempladas com benefícios do INSS, no Nordeste. São 8.557 habitantes dependentes da Previdência Social. O número é maior que o encontrado no Piauí (7.734), Rio Grande do Norte (7.679), Alagoas (6.654) e Sergipe (4.771). Ao todo, são 118.169 pessoas atendidas no Nordeste, o que faz a região concentrar a segunda maior quantidade de pessoas atendidas pelo INSS do país. Em primeiro lugar, está Sudeste, onde há 225.733 beneficiados. As menores demandas estão no Sul (101.558), no Centro-Oeste (34.589) e no Norte (27.789).

O INSS concede mais de 11 tipos de benefícios diferentes. No entanto, os procurados são auxílio-doença, aposentadoria, salário maternidade e pensões por morte. Cada benefício é concedido, de acordo com alguns critérios. A aposentadoria, por exemplo, pode ser obtida pelo trabalhador, em virtude do tempo de idade; do tempo de contribuição à Previdência Social e também por invalidez permanente, como explica o gerente executivo do INSS de João Pessoa, José Antonio Cavalcanti.

Ele acrescenta que, na Paraíba, a concessão dos benefícios é coordenada por duas gerências regionais do INSS que funcionam em João Pessoa e em Campina Grande. Ao todo, são 39 agências espalhadas pelo Estado. Juntas, elas concedem aposentadorias a 380.263 pessoas no Estado. Destas, 2.159 foram obtidas apenas em setembro deste ano. Ao todo, o INSS pagou o montante de R$ 589.790.156,92, apenas com esse benefício.

“Apesar do nosso tempo médio ser de oito dias, há casos em que os benefícios são concedidos em alguns minutos. Já tivemos casos em que uma aposentadoria foi liberada em 20 minutos. Um tempo recorde. Tudo depende da documentação”, destaca Cavalcanti.

jp