João Pessoa 25/05/2018 03:24Hs

Início » Destaque » Mãe confessa ter agredido bebê que teve traumatismo craniano na PB, diz delegada

Mãe confessa ter agredido bebê que teve traumatismo craniano na PB, diz delegada

Mãe deve passar por procedimento especial de adolescente por ter 16 anos.

O Conselho Tutelar da cidade de Areia levou a criança para cuidados de uma tia na cidade de Mari, Paraíba. (Foto: Reprodução/TV Paraíba)

A mãe da bebê de 11 meses que teve traumatismo craniano e ferimentos no rosto confessou a agressão à delegada de Polícia Civil Symone Lacet, na cidade de Areia, no Brejo da Paraíba. A mãe da bebê tem 16 anos e, por isso, deve passar por procedimento especial de adolescente.

Segundo a delegada, durante o depoimento, a mãe inicialmente teria negado as agressões. Porém, ao final do depoimento, quando questionada, ela confessou que agrediu sua filha com um chinelo. “Ela conta que, quando viu a criança reagindo aos ferimentos, se arrependeu, repetindo amar sua filha e alegando que nesse dia estava muito nervosa”, disse a delegada.

Ainda durante o depoimento, segundo a delegada, a adolescente disse que foi a primeira vez que agrediu com o chinelo, mas que, anteriormente, teria batido na bebê com tapinhas de leve. O Conselho Tutelar da cidade de Areia levou a criança, que teve alta na manhã desta terça-feira (21), para cuidados de uma tia na cidade de Mari, a cerca de 70km de Areia.

A Polícia Civil informou que a mãe vai responder pelo ato infracional análogo ao crime de maus tratos. Ao fim dos depoimentos, o processo vai ser encaminhado para a Justiça.

G1