João Pessoa 22/04/2018 15:59Hs

Início » Destaque » Matheus Bezerra pede que eleitores de Bananeiras atentem para a importância do recadastramento biométrico

Matheus Bezerra pede que eleitores de Bananeiras atentem para a importância do recadastramento biométrico

mateus 1Defensor do cadastramento biométrico que na visão do vice-prefeito de Bananeiras Matheus Bezerra (PMDB) reforçará a segurança do pleito municipal de 2016, Matheus pede que eleitores de Bananeiras atentem para a importância desta ferramenta que é um método automático de reconhecimento individual baseado em medidas biológicas (anatômicas e fisiológicas) e características comportamentais. Quem apoia a iniciativa de Matheus é o chefe do Cartório Eleitoral de Bananeiras, Mário Lopes.

 

Matheus lembra que, de acordo com um plano nacional do Tribunal Superior Eleitoral, até 2020 todos os municípios passarão pelo processo da biometria, mas o trabalho está sendo feito por etapas, em função da capacidade do Tribunal, uma vez que a biometria requer a utilização de kits biométricos que o TSE fornece. “Procure o cartório eleitoral localizado no conjunto Major Augusto Bezerra, na cidade de Bananeiras e exerça a sua cidadania”, pediu Matheus aos bananeirenses.

 

O vice-prefeito lembra que é importante o eleitor ficar atento as Zonas Eleitorais que estão passando pelo processo de cadastramento biométrico e comparecer o quanto antes, não deixando para a última hora, evitando assim filas. Ele destaca também que a justiça eleitoral já afirmou que o eleitor que não se cadastrar terá seu título cancelado, acarretando inúmeros prejuízos, ficando impedido de votar, requerer passaporte, inscrever-se em concurso público, fazer empréstimo financeiro, dentre outros. De acordo com um plano nacional do Tribunal Superior Eleitoral, até 2020 todos os municípios passarão pelo processo da biometria, mas o trabalho está sendo feito por etapas, em função da capacidade do Tribunal, uma vez que a biometria requer a utilização de kits biométricos que o TSE fornece.

 

Segundo Mário Lopes desde o dia 13 de maio o cadastramento biométrico vem sendo feito no Cartório Eleitoral de Bananeiras e se estenderá até o dia 31 de dezembro e depois será reaberto o processo até o dia 4 de maio de 2016. “O que queremos é que a população se antecipe e compareça ao Cartório para fazer sua revisão eleitoral, pois o uso da biometria eleitoral é obrigatório para todo eleitorado de Bananeiras, Dona Inês e Borborema, para isto, é necessário que cada eleitor traga seus documentos particulares, a identidade, ou carteira de trabalho, tem que trazer um documento com foto, o CPF e uma conta de luz que comprove que a pessoa mora em Bananeiras, Borborema ou Dona Inês”, recomendou Mário

 

Ao final dos trabalhos de biometria da Justiça Eleitoral todos os dados serão remetidos ao Instituto de Identificação e servirão também para a Polícia Federal, para facilitar as investigações policiais. A biometria também permitirá o cruzamento de dados para evitar fraudes no Bolsa-Família, e nas aposentadorias do INSS, por exemplo.mateus 2

A urna eletrônica terá um sistema para identificação por meio da impressão digital, habilitando-a para o voto após o reconhecimento do eleitor. Para que sejam colhidas as digitais, os eleitores devem se recadastrar biometricamente, ou seja, deverão comparecer aos seus cartórios eleitorais para registro das impressões dos dedos da mão e para uma fotografia digitalizada. Além disso, o recadastramento serve para atualizar o cadastro dos eleitores.

Assessoria de comunicação