João Pessoa 17/08/2018 13:09Hs

Início » Câmara em foco » Novo presidente da Câmara de Santa Rita toma posse; realiza sessão especial, e vereadores rejeitam contas de Marcus Odilon em Santa Rita.

Novo presidente da Câmara de Santa Rita toma posse; realiza sessão especial, e vereadores rejeitam contas de Marcus Odilon em Santa Rita.

Bebé doisEm sessão solene na Câmara de Santa Rita realizada ontem quinta-feira (17), ás 10hs, a mesa diretora da Câmara empossou o novo presidente da Câmara municipal de Santa Rita, o vereador Waldecir Lucindo (PT do B) o popular ‘Bebé’, foi eleito para o biênio 2015/2016. Após a posse o novo presidente  realizou outra sessão especial para apreciar as contas do ex-prefeito Marcus Odilon, que segundo o Tribunal de Contas do Estado (TCE), dentro dos prazos legais, pelos quais, os vereadores reprovaram  ás contas do ex-gestor em uma votação por dez (10) votos contra e seis em seu favor, com duas ausências e uma abstenção dos 19 vereadores que compõe a casa de Antônio Teixeira.

Após ao término da sessão especial o novo presidente Waldecir Lucindo concedeu entrevista a reportagem do portal Paraíba Urgente e afirmou que nunca teria desacreditado na justiça e que o legítimo presidente foi o da eleição de 2013, com a maior legalidade e atribuiu a um golpe com a mudança de prefeito com a eleição verdadeira com ata e assinaturas dos parlamentares que me elegeram em um consenso da base aliada a época, afirmou.

“Já era esperado por mim essa decisão que a justiça me devolve o cargo de presidente da Câmara de Santa Rita que foi uma eleição antecipada realizada em 2013 dentro da maior legalidade e hoje a justiça julga o mérito e me dá o direito de voltar a essa casa legislativa para concluir o biênio,”vou recuperar o tempo perdido e destravar além de realizar o verdadeiro papel de legislar para que a população seja beneficiada com projetos para desenvolver o município com harmonia entre os poderes”, declarou o novo presidente Waldecir Lucindo (Bebè).

Mesmo com a saúde debilitada e visivelmente emocionado com problemas pessoais o presidente Waldercir Lucindo foi empossado permaneceu na sessão e passou os trabalhos para que o vice-presidente o vereador Genival Guedes (PSD), coordenasse a apreciação do relatório do processo que recomendava a reprovação das contas do ex-prefeito Marcus Odilon que foi confirmada na manhã de ontem (17), que hoje o ex-prefeito Marcus Odilon já acumula duas condenações pelo vereadores da gestão 2013/2016.

Na sessão que reprovou as contas do ex-prefeito Marcus Odilon, a coordenação da mesa releu todo o processo atribuído ao ex-gestor de análise pelo Tribunal de Contas –TCE, constatado diversas irregularidades com uma soma de imputação de irregularidades que chega R$ 1,2 milhões,  que os vereadores pela sua maioria apreciarão e votaram pela reprovação das conta do ex-gestor seguindo orientação do TCE, pelo qual será publicado em diário oficial e remetida  ao TCE sobre o resultado da decisão.

Lamartine do Vale