João Pessoa 19/06/2018 20:22Hs

Início » Destaque » Número de visto para os EUA cresce 16% em nove meses

Número de visto para os EUA cresce 16% em nove meses

A emissão de vistos dos Estados Unidos a brasileiros teve aumento de 16% nos primeiros nove meses do ano em relação ao mesmo período de 2011. Entre outubro do ano passado e deste ano, foi emitido cerca de 1 milhão de autorizações. Até o fim de 2012, a Embaixada e os consulados dos Estados Unidos no Brasil estimam que se chegue a um número recorde de vistos.

Apenas em setembro, aproximadamente 66,2 mil vistos foram processados, dos quais 32,9 mil foram em São Paulo, 19,6 mil no Rio de Janeiro, 8,9 mil em Brasília e 4,6 mil no Recife. No mesmo mês, a média diária de solicitações brasileiras de vistos americanos foi cerca de 2 mil em São Paulo, 1,1 mil no Rio de Janeiro, 642 em Brasília e 276 no Recife.

Nesta segunda-feira, diplomatas dos dois países reúnem-se em Washington para discutir apossibilidade de fim do visto obrigatório para a entrada de brasileiros nos Estados Unidos. Caso a medida seja aprovada, o Brasil também poderá deixar de exigir o visto para a entrada de americanos.

De acordo com o Itamaraty, não há expectativa de que essa decisão seja tomada no encontro de hoje, que tratará de assuntos técnicos e rotineiros sobre a consolidação da ideia da não obrigatoriedade do visto, reforçada na visita da presidenta Dilma Rousseff a Washington há cerca de seis meses. Ainda não há previsão de quando será realizada outra reunião sobre o tema.

Atualmente, cidadãos do Canadá e de alguns países da Europa Ocidental, como a França, podem entrar nos Estados Unidos sem a emissão de visto. Não há nenhum país da América Central ou do Sul com esse tipo de permissão. Caso as negociações entre as autoridades brasileiras e americanas resultem no fim da obrigatoriedade, o Brasil será o primeiro país da região a ser dispensado da autorização.

iG