João Pessoa 16/07/2018 02:36Hs

Início » Destaque » ‘O outro lado do paraíso’: Mariano vai para o quilombo e é cuidado pela Grande Mãe

‘O outro lado do paraíso’: Mariano vai para o quilombo e é cuidado pela Grande Mãe

Graças aos cuidados da Grande Mãe do quilombo (Zezé Motta), em “O outro lado paraíso”, Mariano (Juliano Cazarré) consegue sobreviver às tesouradas de Sophia (Marieta Severo). Depois de ter descoberto os podres da mãe de Gael (Sergio Guizé), o garimpeiro tornou-se uma das vítimas da vilã, que com a ajuda de Zé Victor (Rafael Losso), pensa que se livrou de vez do irmão de Johnny (Bruno Montaleone). O que ninguém imagina é que Mariano é um bravo sobrevivente que fica sob os cuidados da Grande Mãe. Essa cena vai ao ar neste sábado.

É a líder do quilombo quem cuida dos curativos e presta assistência desde que Mariano surge nas proximidades do quilombo entre a vida e a morte. Ela o acolhe sem mesmo conhecer sua história e identidade. “Eu não sei quem você é. Chegou aqui sujo de terra e de sangue. Ferido, com as tripas de fora. Os olhos pedindo socorro. Mais um pouco e já não estava nesse mundo”, diz a Mariano, ao vê-lo finalmente acordado.

Inquieto, o garimpeiro tenta falar, mas a Mãe o impede, visando poupá-lo de um desgaste físico ainda maior e cuida dele com medicamentos naturais a base do extrato de buriti. “Não fala. Guarda tuas forças. Acho que cê não sabe, aqui é um quilombo. O povo me chama de Grande Mãe porque cuido de todo mundo aqui… Eu tive hoje visitas importantes pro meu coração. Gente que eu gosto. Mas não contei que você estava aqui. Não sei se você pode está fugindo. Quem te feriu. Mas eu não nego ajuda pra quem me pede”, avisa. Por isso, quando Clara (Bianca Bin) e Raquel (Érika Januza) vão visitá-la, ela dá a desculpa de que está cuidando de uma criança doente da região e não as convida para entrar, o que acaba deixando as duas desconfiadas.

Mariano demonstra reações de que quer dizer algo, porém a Mãe o repreende: “Não agita teu corpo. Vou te fazer dormir. Tem que dormir pra se recuperar. Tua barriga tá toda costurada, não pode se mexer muito”. A matriarca se empenha em tranquilizá-lo, dizendo que vai protegê-lo até que se reestabeleça. Ela dá o remédio ao garimpeiro e ele cai no sono. “Um dia você vai me contar teu segredo. E eu vou te ajudar”, assegura a Grande Mãe.