João Pessoa 24/06/2018 01:20Hs

Início » Destaque » ONS terá esquema especial para evitar falta de energia elétrica nas eleições

ONS terá esquema especial para evitar falta de energia elétrica nas eleições

O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) estabeleceu medidas complementares para prover segurança adicional à operação do Sistema Interligado Nacional (SIN) durante o período das eleições municipais deste domingo (7).

A decisão atende à Resolução n.º 001/2005 do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE), que determina que o ONS estabeleça medidas especiais de segurança a fim de garantir o suprimento de energia elétrica em situações decorrentes de eventos de grande relevância. O Ministério de Minas e Energia anunciou uma série de ações estratégicas para garantir a normalidade do fornecimento de energia elétrica durante o pleito.

O ONS vai manter sua equipe de meteorologistas de plantão durante todo o período das eleições para monitorar as condições atmosféricas para identificar, com antecedência, locais com maior probabilidade de ocorrência de vendavais, chuvas fortes ou incidência de descargas atmosféricas, visando a adoção antecipada de medidas para minimizar as consequências de eventuais contingências.

Serão mantidos disponíveis e em operação normal todos os equipamentos das usinas, assim como de subestações e linhas de transmissão da rede de operação, e efetuadas inspeções de caráter preventivo e extraordinário para identificar eventuais anomalias nas instalações de transmissão, com o objetivo de, preventivamente, proceder à sua normalização. Além disso, serão reforçadas as equipes de operação em tempo real das instalações consideradas mais relevantes para a segurança do Sistema Interligado Nacional.

Segundo a instituição, os agentes de geração deverão manter plantão nas usinas térmicas e hidráulicas que agreguem segurança ao SIN, de modo que possam entrar em operação no menor prazo possível, quando solicitadas pelo ONS. Já as usinas térmicas despachadas não poderão declarar inflexibilidade, devendo observar estritamente os valores programados pelo ONS e/ou as instruções das suas equipes de tempo real.

O ONS também determinou medidas a serem adotadas pelas concessionárias de distribuição, como a implantação de esquema especial para atendimento às situações emergenciais, envolvendo as equipes de operação e manutenção de plantão, para o atendimento ao sistema de transmissão, subtransmissão e distribuição.

Na noite do último dia 3, um problema em um equipamento acessório do transformador principal de Itaipu resultou em falta de energia em diversos estados brasileiros.

Agência Brasil