João Pessoa 18/06/2018 15:23Hs

Início » Destaque » Para evitar fugas, procurador pede apreensão de passaportes dos réus do mensalão

Para evitar fugas, procurador pede apreensão de passaportes dos réus do mensalão

Roberto Gurgel, que é o procurador-geral da república pediu essa semana ao Supremo Tribunal Federal que faça a apreensão de todos os passaportes das 25 pessoas que já foram condenadas no julgamento do caso do mensalão para que evitem fugas para fora do território nacional. O pedido está sobre segredo de justiça e chegou ao tribunal na última quarta-feira (24), mas ainda está no gabinete do ministro-relator do processo, Joaquim Barbosa. O magistrado teria avisado aos colegas sobre esse fato no intervalo de uma das sessões, mas não declarou o que faria a respeito. Tudo indica que essa decisão seja feita de maneira individual, e que seja determinado um prazo para que todos os réus entrem, de maneira espontânea, os seus passaportes para a Polícia Federal. Nada pode impedir, porém, que ele decida submeter sua decisão para os demais colegas, no plenário.

Foram 25 condenados no processo

A referida atitude do procurador foi decidida depois da notícia de que um dos condenados, o ex-diretor do Banco do Brasil, Henrique Pizolatto, decidiu deixar o Brasil assim que o julgamento começou a entrar em curso. Ele ficou fora do país por apenas um tempo e chegou a alegar que estaria resolvendo um problema pessoal, e causou nervosismo no Ministério Público. Na ocasião, Roberto Gurgel até chegou a mencionar a apreensão dos passaportes e queria forçar a apreensão imediata assim que o cálculo das penas iniciasse, que é a fase em que estamos agora. O ministro-relator afirmou que não iria comentar o assunto. Porém, o que está em análise é o fato de que pessoas influentes poderiam alugar um jatinho particular e forçar a saída do país de qualquer maneira. Pensando nisso é que o procurador está investindo em uma apreensão dos passaportes em massa. Para ele isso deveria ter ocorrido no começo do julgamento, bem como a prisão dos envolvidos.

Notícias BR