João Pessoa 24/05/2018 02:34Hs

Início » Destaque » Pessoenses pagarão mais caro por iluminação pública

Pessoenses pagarão mais caro por iluminação pública

energia mais cara jpUm projeto que prevê reajuste na tarifa de energia para cobrir gastos com a iluminação pública gerou polêmica hoje (23) na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP). O texto repassa aos usuários valores referentes aos investimentos no setor para 2015. A vereadora Raíssa Lacerda discordou da base do governo e votou contra o projeto que prevê que a taxa de iluminação pública seja administrada pela Prefeitura de João Pessoa, com ônus para os usuários.
– A população não pode pagar a mais por isso. Sou a favor da mudança, mas sem mais cobrança para a população.
Além dela, os veredores Raoni Mendes (PDT) e Lucas de Brito (DEM) votaram contra. O secretário Adalberto Fulgêncio, da Ariculação Política, defendeu o texto e afirmou que a vereadora estaria mal informada sobre o projeto.
– O ajuste vai atingir um número pequeno de pessoas. Quem consome mais paga mais e quem consome menos vai pagar menos.
Durante audiência pública ocorrida na CMJP, realizada em novembro, e que discutiu a Lei Orçamentária Anual (LOA) para o próximo ano, o assessor técnico da Secretaria de Infraestrutura de João Pessoa (Seinfra), Hugo Paiva, informou que a pasta terá o orçamento de R$ 116 milhões para 2015. Desse total, R$ 50 milhões serão de recursos próprios e o órgão passará a gastar mais em serviços de iluminação pública.
Anda segundo informações do técnico, os maiores valores gastos pela pasta serão de R$ 47.085.000,00 no sistema viário da Capital e de R$ 13.065.418,00 na implantação, recuperação e manutenção de rede de iluminação pública. Paralelamente a este trabalho, a Diretoria de Manutenção e Conservação gastará R$ 2.250.000,00 para a conservação de energia e eficientização energética da cidade.
Thais Cirino