João Pessoa 25/06/2018 02:35Hs

Início » Destaque » Prefeito de Aparecida revela que grupo de oposição contratou pistoleiro para matá-lo: “não tenho medo”.

Prefeito de Aparecida revela que grupo de oposição contratou pistoleiro para matá-lo: “não tenho medo”.

Júlio César afirmou que está há mais de 20 anos na vida pública, e pretende continuar o projeto para o desenvolvimento da cidade

julio_cesar_prefeito_de_aparecidaO prefeito é candidato a reeleição da cidade de Aparecida, Júlio César (PSD), foi o entrevistado na tarde da sexta-feira (19) na TVDS em parceria com a Líder FM e OAB de Sousa na Caravana da Democracia. O programa foi apresentado pelo radialista Levi Dantas.

Júlio César afirmou que está há mais de 20 anos na vida pública e pretende continuar o projeto para o desenvolvimento da cidade de Aparecida. “Quero concluir obras, trazer melhorias para a população, com estrutura, estou dando um trato correto e perfeito para nossa cidade”, disse.

O candidato a prefeito falou que o atraso nas obras da praça pública e no campo de futebol foi por conta de problemas com as empresas contratadas. Já em relação a paralisação da obra de construção do posto de saúde do assentamento de acauã, ele atribuiu a culpa ao governo do estado da Paraíba.

“A obra inacabada do PSF é do governo do estado da Paraíba. Já prestei contas dos 60% da obra, a outra parte que era dever do governador, mas não foi cumprida. Se eu for reeleito terminarei essa obra com recursos próprios”, destacou.

Julio Cesar finalizou a entrevista afirmando que na campanha passada o candidato contratou um pistoleiro para matá-lo. “Eu não tenho medo de ameaças, mas jamais uso da prática de pistolagem de emboscada.

“Vamos resolver eu e você com dialogo, com propostas para a população”, destacou.

DIÁRIO DO SERTÃO