João Pessoa 24/06/2018 01:07Hs

Início » Destaque » Prefeitura de JP vê interesses políticos em pedido para instalação da CPI da Lagoa

Prefeitura de JP vê interesses políticos em pedido para instalação da CPI da Lagoa

De acordo com a nota, a Prefeitura de João Pessoa já atendeu as sugestões levantadas pela Controladoria Geral da União (CGU).

obra-lagoaA Prefeitura de João Pessoa divulgou uma nota oficial para rebater os argumentos levantados por vereadores que protocolaram nesta terça-feira (8) um pedido de abertura da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar supostas irregularidades nas obras executadas na Lagoa. A gestão lamentou o uso político da Câmara Municipal com por conta da proximidade da campanha eleitoral.De acordo com a nota, a Prefeitura de João Pessoa já atendeu as sugestões levantadas pela Controladoria Geral da União (CGU).

Confira a nota na íntegra:

Em face das recentes movimentações de alguns vereadores da Câmara Municipal de João Pessoa sobre as obras do Parque Solon de Lucena, a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) vem a público fazer as seguintes considerações:

A histórica obra do Parque Solon de Lucena está em sua etapa final. Até o mês de junho, João Pessoa irá receber de volta o maior cartão postal da cidade. A obra deixará um importante legado para nossa população. Ao lado de outras iniciativas realizadas pela atual gestão, a requalificação da lagoa atende a um novo conceito de cidade, com a oferta de espaços públicos de qualidade para a população.

Além do permanente trabalho de fiscalização e acompanhamento da PMJP, a obra da nova lagoa foi auditada pela Controladoria Geral da União (CGU), que em seu relatório sugeriu adequações, já observadas pela prefeitura. A própria instituição considerou, no ano passado, a capital paraibana como uma das mais transparentes do país. Ressalte-se ainda que, além da CGU, a PMJP está enviando todas as informações necessárias sobre a obra aos órgãos competentes.
Para a prefeitura, fica claro que a tentativa de instalação de uma CPI em pleno ano de eleições tem um propósito puramente eleitoreiro. Lamentavelmente, a oposição quer utilizar a Câmara de Vereadores como instrumento de interesses políticos menores.
Convicta da importância da obra para a cidade, e de que as instituições competentes irão acolher as explicações da prefeitura, embasadas em relatórios técnicos, a PMJP reafirma o compromisso de que o novo Parque Solon de Lucena será entregue à população em junho deste ano.