João Pessoa 17/07/2018 00:15Hs

Início » Câmara em foco » Procuradoria de Justiça requisitou da Câmara de Santa Rita sobre decisão de arquivamento de CPI contra Panta

Procuradoria de Justiça requisitou da Câmara de Santa Rita sobre decisão de arquivamento de CPI contra Panta

Procuradoria geral de Justiça solicitou do presdiente da Câmara de Santa Rita toda a docuentação do arquivamento da CPI.

O presidente da Câmara de Santa Rita-PB, Saulo Gustavo (Podemos), foi notificado nesta terça-feira (10) pela Procuradoria Geral de Justiça da Paraíba, requisitando toda a documentação referente as Comissões Palamentar de inquérito – CPI’s, que foram aprovadas por meio de requeimento pela maioria dos vereadores contra os suspostos crimes contra a gestão do prefeito Emerson Panta (PSDB), cujo processo foi aprovado pelos vereadores em em menos de oito (8) dias foi pedido pelos veredores pela sua revogação pela justificativa que não tinha provas e nem prazos definidos pela sua instauração.

A Procuradoria Geral de Justiça requesitou de presidente da Câmara os processos de CPI’s que tramitavam naquela casa parlamentar referente aos processos 205, 206 e 207, que se quer foram instauradas e arquivadas. A procuradoria de Justiça solicitou também que os processos arquivados de CPI’s sejam enviados ao requisitante de forma digitalizada as cópias das CPI’s, inclusive as justificas do arquivamento dos processos.

Os processos 205, 206 e 207 que tratavam de coleta seletiva de lixo urbano, compra de material de iluminação pública e merenda escolar foram aprovados em plenário e subscrito por quartoze (14) vereadores, que surpreendentemente cinco dias depois foi apresentado um documento pedindo a revogação do mesmo sob alegação por falta de provas e, com a decisão do arquivamento revoltou boa parte da população de Santa Rita, que vários cidadãos provocaram os órgãos fiscalizadores de gestão pública que defende os direitos dos cidadãos, com isso, a procuradoria geral de justiça requesitou toda as documentação de processo arquivado em votação da Câmara de Santa Rita.

Lamartine do Vale