João Pessoa 22/05/2018 14:04Hs

Início » Destaque » PT desconhece “acordão” entre PMDB e PSB para presidência da AL

PT desconhece “acordão” entre PMDB e PSB para presidência da AL

Apesar de desconhecer, Anísio disse que PT está aberto para discutir qualquer proposta

anisio maia faturaO deputado estadual reeleito Anísio Maia (PT) revelou, na tarde desta segunda-feira (17), que o PT desconhece o suposto acordo entre o PMDB e o PSB para se alternarem na presidência da Assembleia Legislativa (ALPB) nos biênios de 2015 a 2016 e de 2017 a 2018, como foi anunciado na manhã de hoje pelo deputado Gervásio Filho (PMDB) e o senador eleito José Maranhão (PMDB).

De acordo com os peemedebistas, o acordo firmado entre a bancada do partido na ALPB e o governador Ricardo Coutinho foi feito nos seguintes moldes: de 2015 a 2016 o presidente da Casa de Epitácio Pessoa será o deputado Adriano Galdino (PSB); com o peemedebista Nabor Wanderley, sendo o primeiro secretário da Mesa Diretora; e de 2017 a 2018 o presidente da será o deputado Gervásio Filho (PMDB).

No entanto, Anísio disse que conhece apenas a primeira parte do acordo, com o PT, PSB, PMDB e outros partidos da situação discutindo o nome de Adriano Galdino para ser o presidente da ALPB a partir de fevereiro de 2015.

“O PT ainda vai avaliar nome de Adriano Galdino. Na verdade conheço um pedaço deste presumível acordo, já conversei com alguns e existe a composição com alguns partidos em torno desta proposta, que o PT está apreciando esta terça-feira. Com relação ao segundo biênio não estou sabendo nada”, declarou.

Apesar de declarar desconhecer o suposto “acordão”, Anísio disse que o PT esá aberto para discutir “qualquer proposta”.

Cristiano Teixeira – MaisPB