João Pessoa 22/09/2017 02:38Hs

Início » Destaque » Sindicalista denuncia Tia do prefeito Panta por acumular cargo e criar desgraceira com o servidor em Santa Rita.

Sindicalista denuncia Tia do prefeito Panta por acumular cargo e criar desgraceira com o servidor em Santa Rita.

Justiça tem que começar de casa, vamos ingressar com ação para que a tia do prefeito Panta devolva quando acumulou cargo na gestão anterior e que exige do servidor.

No protesto e mobilização realizado  na manhã de quarta-feira (6), na secretaria de educação de Santa Rita-PB. em mais um ato público para obter um posição referente a uma pauta de reivindicações dos servidores sob os referidos reajustes de todos as categorias da prefeitura que a secretária de educação Edilene Santos ignorou por completo sem comparecer e sem fornecer nenhuma informação para resolver o impasse com o servidor e a prefeitura de Santa Rita, quando o presidente do sindicato José Farias que estava acompanhando a mobilização mesmo com a saúde debilitada usou o microfone e desabafou contra a “Tia do prefeito Panta”, e disse.

“Toda desgraceira que está acontecendo com o servidor em Santa Rita é proveniente da Tia do prefeito Panta Marluce  Alvino que fica mandando cortar salário de professor e para se fazer justiça tem começar de casa, foi quando o sindicalista denunciou que a tia do prefeito Panta acumulou cargo na gestão do Ex-prefeito Netinho nos anos de 2015 e 2016, ganhou dinheiro ilegal, que não podia e chegou a hora de provocar a Procuradoria da República para que ela devolva ao município, Marluce Alvino possui duas aposentadorias e  não pode estar o dia todo dando plantão na secretaria de educação perseguindo tudo e a todos, e não venha dizer que está voluntária no município contribuindo com a educação que todo servidor sabe que é verdade, que não existe um benefício na secretaria a não ser cortar benefício de servidor e que secretária de educação Edilene Santos não tem autonomia e não conhece a realidade do município e quem manda em tudo é a Tia do prefeito Panta”, desabafou o sindicalista José Farias.

O presidente do sindicato José Farias estava acompanhado o movimento dos servidores e desde que se implantou a gestão do prefeito de Santa Rita em 1º de Janeiro que a palavra de ordem é perseguir e retirar direitos dos servidores, que já basta que a gestão de seu antecessor deixou vários meses de salários atrasados e que o atual prefeito em parte pagou com precatórios do FUNDEF, que ao completar nove (9) de gestão não foi implantado nenhum reajuste dos servidores previsto em Lei, e que por fim anunciou a gestão Panta divulgou o Decreto 32/2017, que congela todos os tipos de benefícios de todos os servidores de Santa Rita, e que nada mudou na gestão anterior e atual para os servidores e a população que continua sofrendo com os serviços básicos precários e que recursos adentram ao município e ninguém sabe o destino más que o servidor vai resistir que a luta continua e que o sindicato vai estar ao dos servidores até o fim.

Lamartine do Vale