João Pessoa 23/04/2018 23:19Hs

Início » Destaque » Suspeito de participar da morte de Ivanildo Viana se entrega à polícia, em JP

Suspeito de participar da morte de Ivanildo Viana se entrega à polícia, em JP

Segundo a polícia, o homem se apresentou junto com advogados e vai ser ouvido pelo delegado Everaldo Medeiros, que participa da investigação do caso

Um homem suspeito de participação na morte do radialista Ivanildo Viana se entregou à polícia, nesta quinta-feira (31). O suspeito é conhecido como Célio Martins Pereira Filho, morador do bairro do Roger, Zona Norte de João Pessoa, e já havia um mandado de prisão contra ele.

Segundo a polícia, o homem se apresentou junto com advogados e vai ser ouvido pelo delegado Everaldo Medeiros, que participa da investigação do caso. Após ser ouvido, o suspeito vai aguardar realização de audiência de custódia.

O fim da investigação sobre a morte de Ivanildo Viana começou a ser apresentado nessa terça-feira (29) quando a polícia apresentou dados sobre o crime e alegou que a morte do radialista custou R$ 75 mil.

Também na terça, a polícia afirmou que o suspeito de articular a morte de Ivanildo foi o ex-policial militar Arnóbio Fernandes. Ele teria recebido o valor de R$ 75 mil para realizar o serviço. Conforme o delegado Carlos Othon, Arnóbio teria entrado em contato com Erivaldo Batista e Olinaldo Vitorino, também ex-policiais, e também com Eliomar Brito (vulgo Má) que teriam sido os responsáveis em contratar Francisco das Chagas (vulgo Cariri), Valmir Ferreira (vulgo Cobra) e Célio Martins, responsáveis pela execução do crime.

De acordo com o delegado, Eliomar e Erivaldo já estavam presos, um no Róger e o outro no Sílvio Porto, presídios de João Pessoa. Já Olinaldo estava cumprindo semiaberto do presídio de Bayeux, na região metropolitana. Na semana passada, Arnóbio Fernandes chegou a ser detido por porte ilegal de arma e se encontra no 5º Batalhão da Polícia Militar.

Portal C