Vereador defende Câmara de acusação da secretária de ação social de benefícios negados á população carente Santa Rita.

De acordo a denúncia em áudio ouvida no plenário da Câmara de Santa Rita, os benefícios estariam sendo negados por que os vereadores não votaram a Lei.

O vereador e líder da bancada de oposição na Câmara de Santa Rita-PB, Anésio Miranda (PSB), no uso da tribuna da Câmara defendeu e rebateu da acusação da secretária do Bem estar Social Nathália que os benefícios sociais estariam sendo negada a população carente do município por que os vereadores de Santa Rita, não aprovaram uma Lei para doação do referido benéfico (Gravado em áudio), o vereador cobrou também quatro meses de atraso de fornecimento de urnas de caixão da funerária que venceu a licitação e que a secretaria não vem cumprindo conforme licitação,repeliu o vereador.

Conforme o vereador Anésio Miranda apresentou no plenário da casa de Antônio Teixeira a Lei de nº 1009/2001, que autoriza o poder executivo a conceder ajuda ás pessoas carente  no município, instituída na gestão do ex-prefeito Severino Maroja.

“A secretária usa de expediente baixo e rasteiro para tentar jogar a população de Santa Rita contra os vereadores da Câmara de Santa Rita, a lei está em pleno vigor e não foi revogada, os recursos existem e os responsáveis pela liberação dos recursos para beneficiar a população carente estão usando de má fé, podendo o recurso está sendo desviado para outro fim, uma mãe carente grávida, uma urna de caixão de defunto além de outros benefícios que até são de programas federias estão sendo ocultados na secretaria sem o seu devido cumprimento de sua função que é atingir pessoas que necessitam do benefícios e que estão sendo negados e atribuídos a quem não dotação orçamentária e que a lei está em pleno vigor.

Com isso, o vereador Anésio Miranda requereu no plenário da Câmara de Santa Rita, a convocação da secretária do Bem Estar Social e Ação Comunitária Jane Panta, para explicar o 100 dias da gestão plena e o por que das não doações de benefícios a pessoas carentes da cidade e da acusação de sua secretária que o áudio foi ouvido no plenário da Câmara de Santa Rita, declarou vereador Anésio Miranda.

O vereador Anésio ressaltou ainda que outra discussão na mesma sessão que causou muita polêmica foi a não doação de urnas de caixão a pessoas carentes que a secretária Jane Panta alegou que  não estava doando devido a lei que não foi aprovada, de acordo com a vereadora Rosa do Vaqueiro que esteve na secretaria para solicitar para uma família e obteve constrangimento com a cuja secretária que terá a oportunidade de esclarecer os fatos no plenário da Câmara de Antônio Teixeira após a sua convocação, frisou Anésio Miranda.

Lamartine do Vale

Tags:, , , , , ,