João Pessoa 25/09/2018 18:01Hs

Início » Política » Disputa pela liderança da oposição na ALPB deve ficar entre Bruno Cunha Lima e Renato Gadelha

Disputa pela liderança da oposição na ALPB deve ficar entre Bruno Cunha Lima e Renato Gadelha

Atual líder e o antigo ocupante do posto devem tentar convencer colegas de que podem ocupar função durante o ano eleitoral

A bancada de oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba, assim como a base do governador Ricardo Coutinho (PSB), ainda não definiu quem vai liderar o grupo no próximo ano. No entanto, o atual líder, Bruno Cunha Lima (PSDB), e o antigo ocupante do posto, Renato Gadelha (PSC), devem tentar convencer os colegas de que podem seguir na função durante o tumultuado ano eleitoral de 2018.

Em entrevista na semana passada, Renato Gadelha confirmou o desejo de retornar à liderança, mas defendeu diálogo na bancada. O atual líder, Bruno Cunha Lima, também defendeu união no grupo mesmo demonstrando a vontade de permanecer à frente do embate na Casa Epitácio Pessoa.

“Essa é uma decisão a ser tomada pela bancada. O que a bancada decidir, acho que por mim ou Renato, qualquer um de nós toparia”, avaliou. O tucano disse que alguns dos integrantes da oposição já demonstraram não ter interesse, o que deve manter a disputa entre os postulantes atuais. “Alguns casos já expressaram a intenção de não assumir a liderança, mas tenho dito que essa não é uma decisão individual, é uma decisão de grupo”, defendeu.

Vale lembrar que o deputado licenciado Tovar Correia Lima (PSDB) também já foi líder da bancada e retorna até o mês de abril para a ALPB. Além dos citados, integram a oposição os deputados: Antônio Mineral (PSDB), Arnaldo Monteiro (PSC), Camila Toscano (PSDB), Daniella Ribeiro (PP), Eliza Virgínia (PSDB), Emano Santos (Podemos), Guilherme Almeida (PSC), Janduhy Carneiro (PTN), Raniery Paulino (PMDB) e Ricardo Marcelo (PMDB).

Blog do Gordinho