João Pessoa 18/07/2018 14:39Hs

Início » Entretenimento » Homem obcecado por Sandra Bullock se suicida após impasse com policiais

Homem obcecado por Sandra Bullock se suicida após impasse com policiais

O americano Joshua James Corbett, um homem obcecado pela atriz Sandra Bullock, que foi condenado por invadir a casa dela em 2014, se matou na última quarta-feira (3) em sua casa, em Los Angeles, depois de um impasse de horas com a polícia, segundo informações do jornal USA Today.

A policial Rosario Herrera, porta-voz do Departamento de Polícia de Los Angeles, disse que os policiais foram à casa antes de Corbett às 7 horas da manhã, para cumprir um mandado de prisão ligado ao caso de perseguição à atriz.

O homem se trancou dentro de casa e se recusou a sair. Depois que “ameaças de violência” foram feitas, uma equipe da SWAT chegou. Depois de cinco horas, a polícia entrou na casa e encontrou o homem morto por “ferimentos auto-infligidos” com um “objeto pontudo”, disse Herrera. Nenhum tiro foi disparado a qualquer momento e ninguém mais estava na casa.

O escritório do legista ainda não divulgou detalhes sobre a causa da morte.

Rotulado como um “fã obcecado”, Corbett foi condenado em 2017 por invadir a casa de Sandra Bullock em 2014, forçando a atriz a se esconder em seu armário enquanto ligava para a polícia. Ele foi preso dentro de sua casa quando a polícia chegou.

Na época, policiais encontraram uma carta manuscrita de duas páginas para Bullock, em que escreveu: “Você poderia me ter hoje, no entanto, você escolhe outras pessoas sobre mim. Estarei por perto, como você bem sabe. Eu te amo”.

Corbett foi condenado a tratamento para saúde mental e liberdade condicional depois de não contestar as acusações de perseguição e arrombamento. A Justiça também ordenou que ele ficasse longe da atriz e não tentasse contatá-la por 10 anos.

AFP