João Pessoa 25/05/2018 22:44Hs

Início » Esporte » Barcelona e Juventus se classificam na Liga dos Campeões

Barcelona e Juventus se classificam na Liga dos Campeões

Rakitic fez o único gol sobre o City no Camp Nou; Tévez comanda italianos na vitória de 3 a 0 sobre o Borussia

barcelona vence
Rakitic (à esquerda) festeja com Neymar e Suarez gol que marcou pelo Barcelona contra o Manchester City no Camp Nou

Em uma tarde de futebol eletrizante na Europa, Barcelona e Juventus garantiram suas classificações para as quartas de final da Liga dos Campeões derrotando Manchester City e Borussia Dortmund, respectivamente. Eles se juntaram a Atlético de Madrid, Monaco, Real Madrid, PSG, Porto e Bayern de Munique entre os oito times que seguem na briga pela maior competição de clubes do futebol europeu. O sorteio que definirá os confrontos das quartas será na sexta-feira.

No Camp Nou, o Barcelona mostrou um futebol envolvente, com muito toque de bola e, ao mesmo tempo, velocidade no ataque. O City foi dominado praticamente o jogo todo e só não perdeu de mais por causa do goleiro Hart, autor de belas defesas. O time inglês perdeu um pênalti com Agüero no segundo tempo.

O jogo começou quente e Neymar acertou a trave logo aos cinco minutos. Aos dez, Messi tabelou com Iniesta e chutou forte para boa defesa de Hart. Aos 31, Messi puxou contra-ataque em velocidade. Após se livrar da marcação, ele deu passe preciso na área para Rakitic. O croata recebeu livre e tocou por cima de Hart para fezer o gol da vitória.

O panorama não mudou após o gol, com o Barça controlando a posse de bola e as ações. Neymar levou um pontapé por trás de Nasri, que saiu no lucro com o cartão amarelo. Pouco depois, Messi deu uma ‘caneta’ desmoralizante em Milner, arrancando aplausos de Pep Guardiola, ex-técnico do Barcelona e hoje no Bayern de Munique, que acompanhava o jogo nas cadeiras. Aos 43, Suárez foi lançado na área e desviou do goleiro. A bola bateu caprichosamente na trave.

O Barça voltou do intervalo com a mesma atitude. Logo aos três minutos Jordi Alba entrou livre e parou em Hart. Na sequência do lance, Messi soltou uma bomba de fora da área e Hart defendeu de novo. Aos 17, o trio sul-americano fez boa trama. Neymar tocou para Messi, que abriu para Suárez chutar forte, na rede pelo lado de fora, perdendo boa chance.

No minuto seguinte, o City teve boa oportunidade para empatar em lance confuso na área espanhola. No contra-ataque, Neymar acionou Messi, que perdeu chance clara diante de Hart. O jogo ficou eletrizante e, aos 21, Yaya Touré fez bela jogada e soltou uma bomba na rede pelo lado de fora.

O Barcelona chegou a marcar novamente aos 26, com Jordi Alba aproveitando rebote de Hart após conclusão de Neymar, mas o auxiliar marcou impedimento e o gol foi anulado. Aos 31, Neymar apareceu livre diante de Hart e parou no goleiro do City. No minuto seguinte, o time inglês teve um pênalti a seu favor quando Agüero caiu na área. O atacante argentino bateu no canto direito e Ter Stegen defendeu.

Nos minutos finais o Barcelona ainda perdeu outra grande chance. Messi puxou contra-ataque, acionou Neymar na área e recebeu de volta do brasileiro. O argentino girou já na pequena área e chutou forte, acertando o peito do goleiro do City.

Escalações

Local: Camp Nou, em Barcelona

Árbitro: Gianluca Rocchi (ITA)

Gol: Rakitic aos 31 minutos do primeiro tempo

Barcelona: Ter Stegen; Daniel Alves (Adriano), Piqué, Mathieu e Alba; Mascherano, Rakitic (Rafinha) e Iniesta; Luis Suárez, Messi e Neymar. Técnico: Luis Enrique.

Manchester City: Hart; Sagna, Kompany, Demichelis e Kolarov; Milner, Fernandinho, Nasri (Navas) e Yayá Touré (Bony); David Silva e Agüero. Técnico: Manuel Pellegrini.

Tevez festeja com companheiros de Juventus o gol que abriu o placar em Dortmund contra o Borussia: Liga dos Campeões, oitavas de final – INA FASSBENDER / REUTERS

No outro jogo desta quarta, o Juventus não deu chances ao Borussia Dortmund mesmo jogando na Alemanha. Comandado por Tévez, o time italiano, que já havia vencido por 2 a 1 no jogo de ida, fez 3 a 0 e se classificou.

Tévez abriu o placar logo aos três minutos, com um belo um chute de fora da área. O Juventus perdeu Pogba, machucado, ainda no primeiro tempo. O Borussia cresceu em campo, mas sem criar oportunidades claras.

No segundo tempo, Weidenfeller salvou o Borussia em dois lances nos minutos iniciais em duas conclusões de Morata. De tanto tentar, aos 24 Morata enfim conseguiu vazar Weidenfeller após boa jogada de Tévez, fazendo 2 a 0. Tévez liquidou o jogo e confirmou a classificação marcando o terceiro aos 33.

Barcelona e Juventus se juntam aos outros seis times que já estavam garantidos nas quartas. Nesta terça-feira, Monaco e Atlético de Madrid conseguiram classificações dramáticas. O time francês perdeu para o Arsenal por 2 a 0, mas avançou porque ganhara o primeiro jogo por 3 a 0. Já a equipe espanhola precisou da disputa de pênaltis para superar o Bayer Leverkusen. Na semana passada, Real Madrid, Porto, PSG e Bayern de Munique já haviam garantido a classificação.

Escalações

Local: Estádio Signal Iduna Park

Árbitro: Milorad Mazic (SER)

Gols: Tévez aos três minutos do primeiro tempo; Morata aos 24 minutos e Tévez aos 33 minutos do segundo tempo

Borussia Dortmund: Weidenfeller; Papastathopoulos, Subotić, Hummels e Schmelzer (Kirch); Bender (Ramos), Gündogan, Marco Reus e Kampl; Mkhitaryan (Blaszczykowski) e Aubameyang. Técnico: Jürgen Klopp.

Juventus: Buffon; Lichtsteiner, Bonucci, Chiellini e Evra; Marchisio, Pogba (Barzagli), Vidal e Pereyra; Tévez (Pepe) e Morata (Matri). Técnico: Massimiliano Allegri.

O Globo