João Pessoa 24/06/2018 14:43Hs

Início » Esporte » De olho em sequência, Sport recebe o Flamengo na Arena Pernambuco

De olho em sequência, Sport recebe o Flamengo na Arena Pernambuco

Partida será realizada neste domingo, às 16h. O Leão busca vitória para se afastar de vez da zona de queda

flamengo e sportNo ataque, Felipe Azevedo terá o jovem Joelinton ao seu lado

Com apenas seis rodadas para o encerramento da temporada, o Sport possui uma meta nesta reta final da Série A do Campeonato Brasileiro: se afastar da zona de rebaixamento e, consequentemente, eliminar de vez qualquer chance de degola. Neste domingo, diante do Flamengo, o Leão busca sua segunda vitória consecutiva após o incômodo jejum de oito partidas sem triunfar. Motivado pela possibilidade de imprimir nova sequência positiva, o elenco rubro-negro prometeu se esforçar para conquistar mais três pontos e, assim, ambicionar outros objetivos pelo clube. A partida contra o rubro-negro carioca será realizada na Arena Pernambuco, às 16h. Este será o quinto da série de seis jogos que o Sport faz no estádio de São Lourenço da Mata.

Em campo, o técnico Eduardo Baptista promoveu três alterações em relação ao time que superou o Figueirense, no domingo passado. Com a ausência de Diego Souza, suspenso, o jovem de 18 anos Joelinton ganhou a vaga no setor ofensivo ao lado de Felipe Azevedo. No meio de campo mais novidades. Rodrigo Mancha e Wendel, que cumpriram suspensão na última partida, retornam à titularidade nos lugares de Ronaldo, também suspenso, e Danilo, que deixa a equipe por opção técnica.

“Conseguimos montar um time e estamos bastante confiantes na vitória. É o momento necessário para se vencer. É importante emplacar a segunda vitória seguida. Lógico que marcando bem, tendo o nosso resguardo, mas jogando acima de tudo para que a gente consiga a vitória. Aí quebramos o tabu, mas o que interessa mesmo é a vitória”, observou Eduardo Baptista.

Somando 40 pontos, o Sport precisa de pelo menos mais dois triunfos para eliminar qualquer chance de rebaixamento. Na avaliação do técnico, o Leão joga em casa e tem a obrigação de vencer para chegar mais perto dos 45 (ou 46 pontos) que devem assegurar matematicamente qualquer equipe na elite do futebol.

“Temos dois jogos extremamente difíceis na sequência (contra Atlético-PR e Palmeiras), então você garantir uma pontuação agora, se não define uma situação, te deixa muito próximo. Vamos jogar em casa, temos a obrigação de vencer”, ressaltou o comandante leonino.