João Pessoa 20/06/2018 23:02Hs

Início » Esporte » Dividido entre torcedor e atleta, Sheik não sabe se “seria legal” Vasco cair

Dividido entre torcedor e atleta, Sheik não sabe se “seria legal” Vasco cair

Atacante afirmou que a possível queda do Cruz-Maltino para a Série B do Campeonato Brasileiro não é boa para o futebol carioca

flamengo-emerson-sheikFlamenguista pega leve nas brincadeiras quanto a possível rebaixamento do Vasco 

Polêmico em essência, Emerson Sheik foi relativamente ponderado nesta quinta-feira, mas sem esquecer o lado torcedor. Quando questionado sobre o possível rebaixamento do Vasco para a Série B do Campeonato Brasileiro, o atacante do Flamengo se divide em duas opiniões.

“Falando como torcedor (do Flamengo), acho que seria legal o Vasco cair”, começa o camisa 11, em entrevista à rádio O Dia, para ponderar em seguida. “Agora, para o futebol carioca, não. Aí é outra pegada.”

Longe de viver seus melhores dias, os clubes cariocas têm encontrado extremas dificuldades nos últimos anos. Na era dos pontos corridos, inciada em 2003, são apenas três títulos vencidos pelo Rio de Janeiro contra três rebaixamentos (dois do Vasco e um do Botafogo). Flamengo e Fluminense bateram na trave mais de uma vez.

 

Desta vez é o Vasco quem está em baixa, correndo sério risco de amargar novo descenso. Para Emerson Sheik, a situação do rival é propícia para as provocações por parte do Rubro-Negro. “É bacana para caramba esse lance da zoeira nas ruas e bares, a galera fazendo sinal de número dois, de Segunda Divisão”, brinca.

Meses após o atrito com o presidente vascaíno Eurico Miranda, Sheik desta vez é mais contido. Em julho ele polemizou ao dizer que há “uma distância imensa” entre o Flamengo e seus rivais, questionando ainda se considerar o Vasco como maior rival não era “sacanagem”.

Fox Sports