João Pessoa 24/05/2018 08:01Hs

Início » Esporte » Em queda livre, Bota e Vasco duelam para manter viva a meta Libertadores

Em queda livre, Bota e Vasco duelam para manter viva a meta Libertadores

Há sete jogos sem vencer, Glorioso aposta em Seedorf para sair do buraco. Já cruz-maltinos contam com Juninho para evitar disparada do São Paulo

 

Botafogo e Vasco com chances de chegarem a Libertadores

Mesmo separados por nove pontos e quatro posições, Vasco e Botafogo tentam manter às 21h (de Brasília) desta quinta-feira, no Engenhão, o mesmo objetivo para salvar a temporada de um fiasco: ir à Libertadores de 2013. O sonho é bem mais palpável no caso cruz-maltino, que permitiu que o São Paulo o ultrapassasse e abrisse dois pontos de vantagem. Para o Glorioso, o trabalho será mais ingrato, já que a tabela aponta 12 de distância para o quarto colocado. O clássico, portanto, vale a sobrevida de dois times que vivem mau momento no Brasileirão.

O Alvinegro encara um jejum de sete jogos sem vencer na competição, a pior sequência até aqui. Depois de contar com Antônio Carlos e Renato de volta ao time contra o Grêmio, o técnico Oswaldo de Oliveira, mais uma vez, poderá escalar Seedorf no meio de campo, aumentando o número de jogadores experientes em busca do último sopro de esperança na conquista da vaga na Taça Libertadores do ano que vem.

Em São Januário, após duas derrotas – para São Paulo e Santos -, ambas sem marcar um gol sequer, o sinal de alerta foi ligado. O técnico Marcelo Oliveira vem experimentando novas alternativas para conter a queda de rendimento e fazer as pazes com o bom futebol. Assim como no rival, o principal destaque está de volta. Após ser poupado, Juninho foi confirmado.

Curiosamente, no duelo do primeiro turno, o Vasco completava a quarta vitória direta e mirava a liderança. O Bota, porém, chegava a quatro rodadas sem sair de campo com os três pontos.

A partida terá transmissão apenas em canal fechado. O Premiere exibe para todo o Brasil. O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances em Tempo Real, com vídeos exclusivos.

Botafogo: com a volta de Seedorf confirmada, o técnico Oswaldo de Oliveira ainda tem segredos a desvendar para o clássico com o Vasco. Ele não terá Lucas e Andrezinho, suspensos, e escondeu o nome de seus substitutos e até o sistema que utilizará com um ou dois atacantes. O time deve entrar em campo Jefferson, Lennon, Antônio Carlos, Dória e Márcio Azevedo; Gabriel, Renato, Seedorf e Fellype Gabriel; Elkeson e Rafael Marques.

Vasco: principais nomes da equipe no momento, Dedé e Juninho estarão de volta no clássico. Assim, Rodolfo e Carlos Alberto foram para o banco de reservas. Mas Alecsandro está vetado por lesão, e, por falta de atacantes, o camisa 10 será aproveitado na frente. Wendel será mantido na lateral. A equipe, então, deve ser a seguinte: Fernando Prass, Jonas, Dedé, Douglas e Wendel; Nilton, Fellipe Bastos, Felipe e Juninho; Eder Luis e Carlos Alberto.

Globoesporte