João Pessoa 19/07/2018 08:03Hs

Início » Esporte » Espanha quer engrenar contra anfitriões, enquanto Croácia busca manter boa fase

Espanha quer engrenar contra anfitriões, enquanto Croácia busca manter boa fase

As vagas nas quartas de final da Copa do Mundo seguirão sendo decididas neste domingo. A Espanha tentará engrenar na Copa diante da anfitriã, Rússia, enquanto a Croácia busca manter boa fase contra a Dinamarca.

O primeiro jogo do dia será da dona da casa: os russos enfrentam os espanhóis às 11h (de Brasília). Já às 15h tem Croácia x Dinamarca, fechando o dia de Copa.

Espanha x Rússia 

A Espanha teve alguns bons momentos, mas ainda não engrenou na Copa. A última partida na fase de grupos, com empate sofrido com o Marrocos, mostrou algumas das dificuldades do time de Fernando Hierro.

Contra a Rússia, a Fúria quer engrenar na Copa. Já os russos chegaram a engrenar, após duas grandes partidas iniciais. Mas, a derrota para o Uruguai, que resultou na perda da liderança da chave, deixou algumas dúvidas nos torcedores.

No lado espanhol, Hierro tem todo o time disponível, mas pode realizar algumas mudanças, já que as coisas não funcionaram como o técnico queria até o momento.

O provável time espanhol deve ter De Gea; Carvajal, Piqué, Sergio Ramos, Jordi Alba; Busquets, Koke, Andrés Iniesta, Isco; Diego Costa e Iago Aspas.

No outro lado, a Rússia pode jogar com  Akinfeev; Mário Fernandes, Kutepov, Ignashevich, Yuri Zhirkov; Zobnin, Kuzyaev; Samedov, Golovin, Denis Cheryshev; Dzyuba.

Croácia x Dinamarca

Croácia e Dinamarca chegam nas oitavas em situações opostas: os croatas fizeram três grandes jogos, conquistando três vitórias na fase de grupos. A campanha dinamarquesa, por outro lado, é irregular.

A Dinamarca concentra em Eriksen as esperanças de seguir viva na Copa. Já a Croácia mostrou bom jogo coletivo, com repertório de sobra para ir além.

Os croatas devem mandar a campo a base do time que venceu a Argentina, no grande jogo do país na Copa até aqui: Subasic; Vrsaljko, Dejan Lovren, Vida, Strinic; Rakitic, Badelj; Rebic, Luka Modric, Perisic; Mario Mandzukic​.

Já a Dinamarca, que celebra o retorno do atacante Poulsen, que ficou suspenso na última partida, deve ter Schmeichel; Jens Stryger Larsen, Andreas Christensen, Simon Kjaer, Dalsgaard; Lasse Schone, Thomas Delaney; Sisto, Eriksen, Yussuf Poulsen; Nicolai Jorgensen.

O Gol