João Pessoa 21/07/2018 17:00Hs

Início » Esporte » Santa Fe segura 0 a 0 com o Luqueño e vai à final da Copa Sul-Americana

Santa Fe segura 0 a 0 com o Luqueño e vai à final da Copa Sul-Americana

Após empatar por 1 a 1 no Paraguai, colombianos não sofreram gol e garantiram vaga na decisão; Adversário sairá do duelo Huracán X River Plate

santa fe efe480Com dois empates, o Santa Fe deixou o Luqueño pelo caminho e avançou à final da Sul-Americana (EFE)

O Santa Fe entrou em campo jogando por um empate sem gols para avançar à final da Copa Sul-Americana – e conseguiu. Na noite desta quarta-feira (25 de novembro), a equipe colombiana aproveitou vantagem conquistada após igualdade por a 1 a 1 na ida, ficou no 0 a 0 com o Sportivo Luqueño-PAR no Estádio El Campín, em Bogotá, e se classificou para a final da decisão continental.

Como o regulamento do torneio prevê gols marcados fora de casa como critério de desempate no mata-mata, pode se dizer que o tento anotado por Perlaza no jogo de ida, realizado em Luque no dia 4 de novembro, foi o da classificação à final. Já pelo lado da equipe paraguaia, algoz do Atlético-PR na competição, o único gol do confronto foi marcado por Guido di Vanni.

 

A vaga à decisão é inédita para o Club Independiente Santa Fe, que é octacampeão colombiano e tem como título internacional oficial de destaque a Copa Símon Bolívar de 1970, mas já se sagrou vice-campeão das extintas Copa Conmebol e Copa Merconorte.

Na busca pelo troféu, a equipe colombiana terá pela frente o vencedor do confronto entre o atual campeão da Libertadores, River Plate, que também defende o título da Sul-Americana, e outra equipe argentina, o Huracán. Na primeira partida, os comandados de Marcelo Gallardo perderam por 1 a 0 jogando no Monumental de Núñez, mas vão a campo nesta quinta-feira buscando a reação.

Em sua campanha até a decisão, o Santa Fe despachou, desde a primeira fase até a semifinal: LDU de Loja, Nacional-URU, Emelec-EQU e Independiente-ARG. Já o Sportivo Luqueño, antes de ficar pelo caminho, eliminou: Aurora, La Guaira, Tolima e Atlético-PR.

FICHA TÉCNICA
SANTA FE-COL 0 x 0 SPORTIVO LUQUEÑO-PAR

Local: Estádio El Campín, em Bogotá (Colômbia)
Data: 25 de novembro de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Enrique Osses (do Chile)
Assistentes: Francisco Mondria e Carlos Astroza (ambos do Chile)
Cartões amarelos: Ângulo, Morelo e Roa (Santa Fe); Aldama, Ortega, Meza e Godoy (Sportivo Luqueño)

SANTA FE: Robinson Zapata; Almir Soto, Yerry Mina, Francisco Meza e Leyvin Balanta; Jeison Gordillo, Sebástian Salazar (Perlaza), Juan Roa e Luis Sejas; Wilson Morelo (Borja) e Daniel Ângulo (Pérez)
Técnico: Gerardo Pelusso

SPORTIVO LUQUEÑO: Arnaldo Giménez; Aquilino Giménez, Robert Aldama (Escobar), Enrique Meza e Marcelo Báez; Jorge Núñez (Alegre), Miguel Godoy e Luis Miño; Mendieta, Jorge Ortega (Lopez) e Guido di Vanni
Técnico: Eduardo Rivera