João Pessoa 25/09/2018 21:49Hs

Início » Destaque » Homem é assassinado a tiros enquanto bebia em bar com amigos em Santa Rita

Homem é assassinado a tiros enquanto bebia em bar com amigos em Santa Rita

revolver-tiroEm menos de duas horas pelo menos três homicídios foram registrados na Grande João Pessoa na noite de ontem, domingo (12), segundo informações da polícia.

Os assassinatos ocorreram em Santa Rita e João Pessoa. Pelo menos duas tentativas de homicídios também foram registradas na noite de domingo.

O primeiro foi registrado por volta das 22h em Odilândia, em Santa Rita, na Região Metropolitana de João Pessoa. Um homem foi assassinado a tiros enquanto bebia com os amigos em um bar. De acordo com a polícia, um homem chegou de motocicleta no local, desceu e atirou duas vezes. A vítima não foi identificada. Cerca de um hora depois, um jovem de 29 anos morreu após ser baleado no bairro de Mandacaru, em João Pessoa. A vítima passava pela rua Jornalista André Rebouças quando dois homens começaram a atirar. Os disparos de arma de fogo atingiram o tórax e o abdômen do jovem, que ainda chegou a ser socorrido para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, mas não resistiu. Segundo a polícia, o jovem havia ido levar o irmão e o sobrinho em casa.

No bairro da Torre, na capital paraibana, um outro jovem foi morto. Segundo informações da polícia, a vítima seguia com outras duas pessoas em uma motocicleta quando começaram a ser perseguidos. A vítima foi atingida e caiu da moto quando seguia pela Avenida Rui Barbosa. Ele não resistiu e morreu no local, segundo a polícia.

Também na noite de domingo, duas tentativas de homicídios foram registradas em João Pessoa. No Valentina Figueiredo, um jovem de 29 anos foi baleado no braço e na cabeça enquanto bebia com os amigos em um bar. Ele foi levado pelo Samu para o Hospital de Trauma e até a manhã desta segunda-feira (13) seguia internado em estado regular. No bairro São José, um jovem foi baleado no tórax e na mandíbula. Ele também foi levado para o Hospital de Trauma.

Redação com G1