João Pessoa 15/07/2018 20:52Hs

Início » Mundo » Atentado suicida no Paquistão deixa pelo menos 55 mortos e 120 feridos

Atentado suicida no Paquistão deixa pelo menos 55 mortos e 120 feridos

atentado deixa cinquente ecinco mortosUm atentado suicida ocorrido neste domingo (2) no Paquistão deixou pelo menos 55 mortos e 120 feridos, de acordo com um balanço divulgado pela polícia. O ataque aconteceu perto do posto de fronteira de Wagah, divisa do país com a Índia, e situada em Lahore, capital da província do Penjab.

 Todos os dias, miliares de paquistaneses e indianos assistem a uma cerimônia no posto de fronteira, com música e desfiles militares que marcam a rivalidade entre as duas potências nucleares rivais.

O ataque aconteceu quando a população se preparava para voltar para a casa depois da cerimônia. Uma forte explosão ocorreu do lado paquistanês, segundo Amin Wains, chefe da polícia de Lahore. De acordo com as forças armadas, o kamikaze não conseguiu atravessar a fronteira e acionou os explosivos colados ao corpo antes de entrar em território indiano.

Trata-se de um dos raros pontos turísticos na região, atingida pela violência de grupos islâmicos armados. O risco aumenta com a Ashura, festa que celebra o xiismo e acontece neste fim de semana. Os xiitas representam 20% da população do país de 180 milhões de habitantes.

O atentado acontece em um contexto de escalada de violência na região de Cachemira, território disputado pelos dois países. Além disso, as forças armadas paquistanesas também participam de uma ofensiva contra os talibãs no nordeste do país, na fronteira com o Afeganistão. Desde o início de junho, mais de 1.100 insurgentes já morreram nos combates.

O ataque de hoje não foi reivindicado imediatamente, mas traz a marca dos talibãs paquistaneses e da Al Qaeda, segundo as autoridades paquistanesas, que estão preocupadas com a influência do grupo Estado Islâmico na região.

 

RFI