João Pessoa 26/05/2018 07:51Hs

Início » Mundo » Explosão de carro-bomba deixa um morto em Berlim

Explosão de carro-bomba deixa um morto em Berlim

Tanto a polícia como a promotoria indicaram que foi um assassinato ligado a quadrilhas do crime organizado; possivelmente um acerto de contas entre gangues rivais

carro bomba berlimAgentes da polícia alemã avaliam o carro que explodiu em Berlim matando o motorista

A polícia alemã informou nesta terça-feira que não tinha conhecimento de qualquer “ligação terrorista” relacionada à explosão de um carro em Berlim. “Não existem evidências neste sentido”, disse um porta-voz da polícia de Berlim. Um carro-bomba explodiu numa região central da capital alemã matando o motorista do veículo. Um policial que estava próximo ao local disse que a explosão aconteceu enquanto o carro estava trafegando aparentemente de maneira normal, sem levantar suspeitas. O homem, ainda não identificado, que dirigia o veículo chegou a ser atendido, mas não resistiu aos ferimentos causados pelos explosivos.

Segundo informações da edição digital da revista Der Spiegel, a vítima é um berlinense de 43 anos que tinha sido investigado no passado pela polícia por tráfico de drogas. Tanto a polícia como a promotoria indicaram que foi um assassinato ligado a quadrilhas do crime organizado. A comissão de homicídios da polícia assumiu as investigações e os agentes trabalham com a hipótese de um acerto de contas entre gangues rivais.

Houve temor que o incidente tivesse alguma origem terrorista. A Alemanha é o principal destino dos refugiados sírios e imigrantes ilegais que chegam ao continente e o governo já estava trabalhando para evitar os taques dos chamados “lobos solitários” no país. O termo refere-se aos extremistas que trabalham sozinhos sem a coordenação direta de grupos extremistas.

 

O jornal Tagesspiegel já havia ressaltado que o episódio poderia estar ligado a grupos criminosos que atuam na capital alemã. De acordo com o perfil da polícia de Berlim no Twitter, a área já não representa mais perigo. Os policiais também informaram que as pessoas podem “reabrir as janelas de suas residências” que não há risco de nova explosão. O incidente aconteceu no bairro de Charlottenburg, na região central de Berlim.

(Da redação)