João Pessoa 24/05/2018 10:13Hs

Início » Mundo » Washington é o 1° estado dos EUA a descriminalizar o uso da Maconha

Washington é o 1° estado dos EUA a descriminalizar o uso da Maconha

Washington se tornou hoje o primeiro estado americano a permitir o uso da maconha com fins recreativos para maiores de 21 anos. A lei, que entrou em vigor à zero hora desta quinta-feira, permite o porte de até 28,5 gramas, e veio após uma aprovação da iniciativa com 55% dos votos num plebiscito paralelo às eleições de novembro. A polêmica, no entanto, está longe de acabar: o Departamento de Estado já advertiu que o uso, cultivo e porte da substância continuam proibidos de acordo com a lei federal.

O uso medicinal da maconha é permitido no estado desde 1998. A nova medida, que descriminaliza o uso, também foi aprovada no Colorado no último mês e deve entrar em vigor neste último nas próximas semanas. Fumar em público, no entanto, continua proibido. Tampouco há locais onde os usuários possam comprar legalmente o produto.

Casamento gay também entra em vigor

Na véspera de a medida começar a vigorar em Washington, o Departamento de Justiça emitiu uma advertência. “Apesar das mudanças em leis estaduais, incluindo a alteração que ganha efeito em Washington no dia 6 de novembro, cultivar, vender ou portar qualquer quantidade de maconha permanece ilegal sob a lei federal”, alerta o comunicado.

Ainda não está claro como estado e governo federal resolverão a questão. Autoridades em Washington e Colorado já vinham ignorando centenas de casos menores.

– Estamos em águas ainda não navegadas – disse o procurador da cidade de Seattle, Pete Holmes. – Temos lutado contra a proibição por um século. Ainda vai levar algum tempo para substituir uma licença estadual por um sistema regulador.

Uma lei que legaliza o casamento entre pessoas do mesmo sexo também entou em vigor no estado. Assim como Washington, Maine e Maryland se tornaram os primeiros estados americanos a apoiar a medida por meio do voto popular. O primeiro casamento gay em Washington está marcado para domingo. O casamento homossexual já é permitido em seus estados, mas com base em leis aprovadas por parlamentares ou por tribunais.

O Globo