João Pessoa 25/05/2018 00:57Hs

Início » Notícias » ALPB se ‘veste’ de rosa e realiza atividades contra o câncer de mama

ALPB se ‘veste’ de rosa e realiza atividades contra o câncer de mama

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) se engajou na campanha ‘Outubro Rosa’ e durante este mês vai realizar uma série de atividades alusivas à prevenção do câncer de mama. Além disso, o prédio do Poder Legislativo se “vestiu” de rosa para destacar a importância de informar sobre essa doença que, quando diagnosticada cedo, tem muito mais chances de ser curada.

 

Além de iluminar a sede da ALPB de rosa, a Comissão dos Direitos da Mulher e da Igualdade de Oportunidades, presidida pela deputada Gilma Germano (PPS), preparou um calendário com diversas atividades para sensibilizar as mulheres da importância do diagnóstico precoce do câncer de mama.

 

A mobilização vai ocorrer dentro da Casa Epitácio Pessoa com palestra e envolvimento das servidoras, assim como do lado de fora da ALPB, com atendimento especializado para a realização de exames, panfletagem e entrega do laço rosa, símbolo da campanha. A programação ocorre durante todo este mês e as atividades são uma parceria entre a Assembleia Legislativa, a ONG Amigos do Peito e a Secretaria da Mulher.

 

Projetos – Segundo o presidente da ALPB, deputado Ricardo Marcelo (PEN), é necessário que exista engajamento como forma de estímulo à população na prevenção da doença. “Destacar o Outubro Rosa é fundamental para que a nossa sociedade acredite que é possível curar a doença caso haja o diagnóstico precoce. Por esta razão a Assembleia tem apresentado propostas que possam oferecer a melhoria da saúde no nosso Estado”, ressaltou.

 

Entre os projetos criados por parlamentares da Casa Epitácio Pessoa, que beneficiam a saúde da mulher no Estado, está o mais recente, de número 864/12, de autoria do deputado Hervázio Bezerra (PSDB). A proposta visa beneficiar as mulheres vitimas do câncer, pois pretende instituir o Programa de Cirurgia Plástica Reconstrutiva da Mama.

De acordo com Hervázio Bezerra, a matéria vai ajudar principalmente a população de baixa renda. “Muitas mulheres convivem, hoje com esta situação, embora a reconstrução da mama seja assegurada pelo Sistema Único de Saúde”.

 

Entenda – O movimento, que surgiu nos Estados Unidos na década de 90, é celebrado no Brasil há cerca de quatro anos. Segundo o Ministério da Saúde, somente neste ano cinqüenta e duas mil mulheres brasileiras devem ser diagnosticadas pelo câncer de mama.

 

A cada ano várias cidades do país colorem de rosa alguns de seus principais monumentos, como por exemplo, a catedral e o Congresso Nacional em Brasília, o Cristo Redentor no Rio de Janeiro e o Viaduto do Chá em São Paulo.

 

Confira abaixo a programação do Outubro Rosa da ALPB:

16/10 – Reunião da Comissão dos Direitos da Mulher e da Igualdade de Oportunidades

17/10 – Tenda em frente à ALPB: Panfletagem, entrega do lacinho e serviços saúde

23/10 – Visita a Casa de Apoio, localizada na Avenida 12 de Outubro, 858, Jaguaribe        Horário: 16h

24/10 – Tenda em frente à ALPB: Panfletagem, entrega do lacinho e serviços saúde
30/10 – Palestra sobre o câncer de mama no Auditório “João Eudes”

Horário: 16h

31/10 – Atendimento com Mastologista

Horários: Manhã e tarde

 

 

ascom