João Pessoa 23/05/2018 15:08Hs

Início » Notícias » Belo faz quatro gols no segundo tempo e vira para cima da Desportiva no Sílvio Porto

Belo faz quatro gols no segundo tempo e vira para cima da Desportiva no Sílvio Porto

Marcos Aurélio marca duas vezes em cobranças de falta e comanda a goleada do Botafogo-PB pela quarta rodada do Paraibano. Azulão sofre a segunda derrota seguida em casa, e a segunda de virada

Foram dois tempos distintos. Do Botafogo-PB que saiu perdendo por 1 a 0 no primeiro tempo, para aquele que terminou goleando por 4 a 1, o torcedor viu uma mudança da água para o vinho. Destaque para Marcos Aurélio, que desecantou e marcou duas vezes em cobranças de falta – seus primeiros gols com a camisa do Botafogo. O resultado manteve o Belo na vice-liderança do Grupo A, agora a um ponto do Campinense – que joga nesta quinta-feira contra o Serrano. Já a Desportiva conhece mais uma derrota jogando no Sílvio Porto – a segunda seguida, e a segunda de virada. O Azulão tem três pontos no Grupo B.

  • A Desportiva começou o jogo na base da empolgação. Com torcida única no Sílvio Porto, o Azulão estava literalmente se sentindo em casa. E teve uma atuação praticamente impecável no primeiro tempo. Dominando o meio-campo e mostrando muita disposição, o time de Wassil Mendes dominou o Botafogo e chegou com justiça ao gol. Isso aconteceu aos 17 minutos, quando Meia Noite cobrou lateral na cabeça de Moisés. O zagueiro desviou e encontrou Ebinho, livre, que só teve o trabalho de desviar para o gol. A Desportiva seguiu melhor e controlou o adversário, que praticamente não teve nenhuma chance de gol nos primeiros 45 minutos.

  • DESTAQUESEGUNDO TEMPOTudo mudou na segunda etapa. E graças principalmente ao meia Marcos Aurélio. Contratado para ser o grande jogador do Belo na temporada, ele comandou a virada na base da bola parada.Logo no primeiro minuto, ele cobrou falta fechada e a bola enganou o goleiro Marcão. O empate acabou desestabilizando a Desportiva, até então muito organizada. E a situação se complicou de vez aos 16 minutos, quando Gedeílson cruzou na área em direção a Nando. O zagueiro Joalisson tentou cortar e acabou mandando para as próprias redes. Na vantagem, o Botafogo inverteu as ações e passou ele a controlar a partida. Aos 29, Nando sofreu falta a um passo da área. Mais uma vez coube a Marcos Aurélio fazer a cobrança – e ele jogou na gaveta. Logo depois, Walber fez o quarto e decretou a goleada no Sílvio Porto.

  • DESTAQUEOLHA O MAESTROA torcida já andava cobrando dele. Depois de duas assistências nos primeiros dois jogos com a camisa do Belo, chegou a vez de Marcos Aurélio provar o seu valor na bola parada. Os dois gols marcados contra a Desportiva enchem o torcedor de esperança para o restante da temporada. Certamente, é um jogador diferenciado.

    DESTAQUEPRÓXIMOS JOGOS

    O Botafogo agora volta a campo no próximo domingo, também fora de casa. O Belo encara o Atlético de Cajazeiras, às 17 horas, no Perpetão. Já a Desportiva enfrenta o Sousa, no Marizão, no mesmo horário.

    DESTAQUERENDA E PÚBLICO

    Olha o borderô da partida:

    Renda: R$ 25.600,00
    Público: 1.380 pagantes

  • G1-PB