João Pessoa 18/06/2018 11:12Hs

Início » Notícias » Inferno astral: Cartaxo enfrenta mais um movimento de servidores municipais

Inferno astral: Cartaxo enfrenta mais um movimento de servidores municipais

cartaxo inferno astralGuardas municipais de João Pessoa realizam um protesto, na manhã desta quinta-feira (19), em frente da sede da Guarda Civil, na Avenida Almirante Barroso, no Centro da cidade, para cobrar do prefeito Luciano Cartaxo (PT)  reajuste salarial e melhores condições de trabalho.

O grupo, de cerca de 100 pessoas segue em passeata sentido ao Parque Solon de Lucena com apitos e carro de som para chamar a atenção da população e até o moemento o trânsito ainda não foi prejudicado.

De acordo com o presidente do Sindicato, Joalisson Barros, a categoria aguarda uma audiência com o prefeito para tentar resolver o empasse, caso não sejam recebidos, devem deflagrar greve até a próxima semana. Eles solicitam ainda, melhores equipamentos de trabalho. “Estamos sem colete, sem armamento, nem sequer protetor solar a Guarda tem, o fardamento é comprado nosso dinheiro. Para piorar atuamos numa das cidades mais violentas do Brasil e temos hoje o pior salário no estado, recebemos R$ 805,00, ano que vem nosso salário ficará abaixo do salário mínimo”, lamentou o presidente.

Somente nesta semana, essa é a terceira categoria que se manifesta contra a gestão de Cartaxo. Na segunda-feira (16), os professores da rede municipal de ensino realizaram um protesto em frente ao Centro Administrativo e resolveram entrar em greve por tempo indeterminado. Na terça-feira (17), os médicos anunciaram uma paralisação para o proximo dia 7 de abril, Dia Mundial da Saúde, e também não descartaram a possibilidade de greve.

greve_GM